A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: Creating default object from empty value

Filename: models/publicacao_item.php

Line Number: 20

Influ?ncia da espessura do osso cortical sobre a velocidade de... » Isaúde
  Pesquisar Publicações Científicas  
  Especialidade: carregando especialidades...  Carregando...
Nome da revista:   Volume:   Número:
Acta Ortopédica Brasileira
2012-07-07 04:06:50

Influ?ncia da espessura do osso cortical sobre a velocidade de propaga??o do ultrassom

Descrição: OBJETIVO: Avaliar a influ?ncia da espessura do osso cortical sobre a velocidade de propaga??o do ultrassom (in vitro). M?TODO: Foram utilizadas 60 l?minas ?sseas confeccionadas a partir do f?mur de bovinos, com diferentes espessuras, variando de 1 a 6mm (10 de cada). As medidas da velocidade do ultrassom foram realizadas por aparelho projetado para este fim, utilizando t?cnica subaqu?tica e por contato direto com aux?lio de gel de acoplamento. Os transdutores foram posicionados de duas maneiras diferentes; opostos entre si, com o osso entre eles, sendo a medida chamada de transversal; e, paralelos na mesma superf?cie cortical, sendo a medida chamada de axial. RESULTADOS: Com o modo de transmiss?o axial, a velocidade de propaga??o do ultrassom aumenta conforme a espessura do osso cortical aumenta, independente da dist?ncia entre os transdutores, at? a espessura de 5mm, mantendo-se constante ap?s. N?o houve altera??o da velocidade quando o modo de transmiss?o foi transversal. CONCLUS?O: A velocidade de propaga??o do ultrassom aumenta com o aumento da espessura da cortical ?ssea, no modo de transmiss?o axial, at? o momento em que a espessura supera o comprimento da onda, mantendo a velocidade constante a partir de ent?o. N?vel de Evid?ncia: Estudo Experimental.OBJECTIVE: An experimental in vitro study was carried out to evaluate the influence of cortical bone thickness on ultrasound propagation velocity. METHODS: Sixty bone plates were used, made from bovine femurs, with thickness ranging from 1 to 6 mm (10 of each). The ultrasound velocity measurements were performed using a device specially designed for this purpose, in an underwater acoustic tank and with direct contact using contact gel. The transducers were positioned in two ways: on opposite sides, with the bone between them, for the transverse measurement; and parallel to each other, on the same side of the bone plates, for the axial measurements. RESULTS: In the axial transmission mode, the ultrasound velocity speed increased with cortical bone thickness, regardless of the distance between the transducers, up to a thickness of 5 mm, then remained constant thereafter. There were no changes in velocity when the transverse measures were made. CONCLUSION: Ultrasound velocity increased with cortical bone thickness in the axial transmission mode, until the thickness surpasses the wavelength, after which point it remained constant. Level of Evidence: Experimental Study.

Volume: 0


Mais informações

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.