Ciência e Tecnologia
publicado em 03/08/2010 às 15h30:00
   Dê o seu voto:

Uso de tecnologia pode ser capaz de decifrar mente terrorista

 
tamanho da letra
A-
A+

Uma pesquisa da Universidade Northwestern mostra que a tecnologia já é capaz de permit ir a entra da na mente de um terrorista para saber como, quando e onde o próximo ataque vai ocorrer.

Para fins de ilustração, digamos que seja emitido um aviso sobre um iminente ataque terrorista, com detalhes sobre o plano de emergência, sobre as armas que serão utilizados, a data do possível evento e sua localização.

Se o novo teste, proposto pelos pesquisadores da Northwestern, fosse utilizado em tal situação real com o mesmo tipo de resultado que ocorreu no laboratório, uma confissão dos terroristas poderia ser obtida a partir de uma conversa. Em outras palavras, se o teste realizado no laboratório, em última instância, é empregado para esses cenários do mundo real, a pesquisa sugere que agentes da lei podem ser capazes de confirmar os detalhes sobre um ataque - data, local e arma.

No estudo, os pesquisadores foram capazes de correlacionar as ondas cerebrais P300 ao conhecimento de culpa com 100% de precisão no laboratório, disse J. Peter Rosenfeld, professor psicologia na Northwestern's Weinberg College of Arts and Sciences.

Pela primeira vez, a equipe utilizou o teste P300 em um cenário de simulação terrorista, em que os estão apenas planejando, ao invés de cometer um crime. As ondas cerebrais P300 foram medidas através de eletrodos afixados ao couro cabeludo de "pessoas de interesse" no laboratório.

A parte mais intrigante do estudo em termos de implicações reais, segundo Rosenfeld, é que mesmo quando os cientistas não tinham informações antecipadas sobre os planos terroristas simulados, a tecnologia ainda era precisa na identificação de informações ocultas.

"Sem qualquer conhecimento prévio do crime previsto no nosso cenário terrorista simulado, fomos capazes de identificar 10 dos 12 terroristas e, dentre eles, 20 dos 30 detalhes relacionados com o crime", disse Rosenfeld. "O teste foi 83% exato em predizer o conhecimento oculto, sugerindo que o nosso complexo protocolo pode identificar atividades terroristas no futuro."

Os participantes do estudo (29 alunos da Northwestern) planejaram um ataque simulado, com base nas informações que foram dadas sobre bombas e outras armas mortais. Eles, então, tiveram que uma carta detalhando as razões da sua intenção de codificar a informação na memória.

A partir daí, com eletrodos presos ao seu couro cabeludo, eles olharam um monitor de computador que apresentou os nomes dos estímulos. Os nomes de Boston, Houston, New York, Chicago e

Phoenix, por exemplo, foram embaralhados e apresentados de forma aleatória. A cidade que escolheu os participantes do estudo para o grande ataque terrorista apresentaram respostas com as maiores ondas cerebrais P300.

"Desde 11 de setembro prevenir o terrorismo é uma prioridade", disse Rosenfeld. "Às vezes você pega as pessoas suspeitas entrando em um edifício. Se você suspeitar que eles são terroristas, você pode ter algumas pistas a partir da conversa. Nossa esperança é que nosso novo protocolo - diferente da tecnologia P300 desenvolvido pela primeira vez na década de 1980 - poderá um dia confirmar essa conversa no mundo real. "

No laboratório, os participantes do estudo tinham cerca de 30 minutos para aprender sobre o ataque e os detalhes dos seus planos. Assim, disse Rosenfeld, a codificação do conhecimento culpado era relativamente inexpressiva. Supõe-se que os terroristas na realidade ensaiam os detalhes de um ataque várias vezes, levando a uma maior codificação de memórias relacionadas. "Nós acreditamos que nosso teste, empregado no mundo real, poderia impulsionar ainda mais a ção de intenções terroristas."

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   P300    Leitura da mente    Terroristas    Ataques    Simulação    Teste    Conversa   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Uso de tecnologia pode ser capaz de decifrar mente terrorista
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Uso de tecnologia pode ser capaz de decifrar mente terrorista


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
P300    leitura da mente    terroristas    ataques    simulação    teste    conversa   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.