Saúde Pública
publicado em 23/02/2009 às 16h29:00
   Dê o seu voto:

Ministério da Saúde recebe primeiro lote do genérico Efavirenz

Primeiro lote foi entregue em fevereiro. A produção será feita pelo Instituto de Tecnologia de Fármacos (Farmanguinhos), ligado à Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz).

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Rondon Vellozo / MS
Foto: Rondon Vellozo / MS
Cerimônia de Entrega da 1ª Partida de Efavirenz e Inauguração da Linha de Produção Herbert de Souza (Betinho) O presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha e o Ministro da Saúde, José Gomes Temporão
  « Anterior
Próxima »  
Cerimônia de Entrega da 1ª Partida de Efavirenz e Inauguração da Linha de Produção Herbert de Souza (Betinho)
O presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha e o Ministro da Saúde, José Gomes Temporão

O Ministério da Saúde recebeu, em fevereiro, o primeiro lote do medicamento genérico do Efavirenz, uma das 17 drogas que compõem o coquetel antiaids. A produção nacional ficou a cargo do Instituto de Tecnologia de Fármacos (Farmanguinhos), ligado à Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz).

A primeira encomenda é composta por 2,1 milhões de comprimidos, de um total de 15 milhões que o laboratório disponibilizará até o fim do ano. O objetivo é que a produção nacional contemple toda a demanda interna do medicamento (30 milhões de comprimidos por ano) em 2010. Atualmente, cerca de 185 mil pessoas no Brasil estão em tratamento contra a Aids. Delas, 85 mil tomam o medicamento.

Até dois anos atrás, o governo brasileiro pagava cerca de US$ 1,56 por comprimido para o laboratório americano Merck, que detinha a patente do produto. Com o licenciamento compulsório, o país começou a importar a droga pré-qualificada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), do laboratório indiano Ranbaxy, ao custo de US$ 0,46, pouco mais do que R$ 1, atualmente. Já a produção brasileira sairá por R$ 1,35 a unidade. Segundo a assessoria de imprensa do Farmanguinhos, a diferença para cima entre os preços praticados pelo laboratório indiano e o brasileiro ocorre em função de pagamento de impostos.

O Efavirenz é o oitavo medicamento do coquetel antiaids produzido por Farmanguinhos. Também são estudadas as possibilidades de se fabricar nacionalmente outras duas drogas, mas de acordo com o ministro da Saúde ainda não há interesse, pelo menos por enquanto, de se decretar licenciamento compulsório de outros medicamentos.

Fonte: MINISTÉRIO DA SAÚDE
   Palavras-chave:   Ministério da saúde    Medicamento genérico    Efavirenz    Coquetel antiaids    Farmanguinhos    Fiocruz   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Ministério da Saúde recebe primeiro lote do genérico Efavirenz
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Ministério da Saúde recebe primeiro lote do genérico Efavirenz


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
ministério da saúde    medicamento genérico    Efavirenz    coquetel antiaids    Farmanguinhos    Fiocruz   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.