Ciência e Tecnologia
publicado em 12/06/2010 às 14h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Divulgação/Hospital Beaumont
Pesquisadora manipula amostras durante estudo em laboratório
  « Anterior
Próxima »  
Pesquisadora manipula amostras durante estudo em laboratório

Um consórcio internacional de investigação identificou quatro variantes genéticas comuns que estão associados com os níveis sanguíneos de vitamina D e com um risco aumentado de deficiência do nutriente.

"Nós identificamos quatro variantes comuns que contribuíram para o risco de deficiência de vitamina D", disse o autor correspondente, Thomas Wang, do Hospital Geral de Massachusetts, nos Estados Unidos. "Indivíduos que herdam várias dessas variantes de risco apresentam, mais de duas vezes, o risco de deficiência de vitamina D, do que foi visto naqueles sem essas variações."

Estudos têm mostrado que de um terço a metade dos adultos sadios, em países desenvolvidos, têm baixos níveis de vitamina D. Embora a exposição solar reduzida esteja claramente associada com níveis mais baixos de vitamina D, os fatores ambientais e culturais, incluindo a ingestão por via alimentar, não podem contar completamente pelas variações nos níveis de vitamina. O fato de a vitamina D tender a se agrupar em famílias sugere uma contribuição genética.

A pesquisa agregou dados de 15 estudos epidemiológicos de quase 32 mil indivíduos brancos de ascendência européia. Resultados de uma análise genética detalhada foram correlacionados com nível de vitamina A no soro dos participantes. Associações estatisticamente significantes foram encontradas em quatro variantes comuns, todas nos genes que codificam enzimas envolvidas na síntese, degradação ou transporte de vitamina D.

"É possível que estes resultados possam explicar por que algumas pessoas respondem bem aos suplementos de vitamina D e outras não, mas eles precisam ser mais estudados", explica Wang. "Nós também precisamos investigar como os fatores genéticos podem alterar a resposta à luz do sol, se estas associações são vistas em outras populações, e se estas variantes genéticas têm um impacto nas doenças crônicas que parecem ser associados com a deficiência de vitamina D."

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Vitamina D    Variantes genéticas    Thomas Wang    Hospital Geral de Massachusetts   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
vitamina D    variantes genéticas    Thomas Wang    Hospital Geral de Massachusetts   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.