Geral
publicado em 16/05/2010 às 17h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Foi aprovada na quinta-feira, 13 de maio, pelo Conselho Estadual de Saúde (CES), a Política Estadual de Atenção Integral à Saúde da População Negra do Rio Grande do Sul (PEAISPN). Segundo a coordenadora da Seção de Saúde da População Negra do Departamento de Ações em Saúde da Secretaria Estadual da Saúde (SSPN/DAS/SES-RS), Maria Salete Macedo, a necessidade dessa política se dá principalmente pelas desigualdades e pela falta de qualificação nas informações de saúde, com relação ao quesito raça/cor, o que impede que se trace um perfil epidemiológico desse segmento.

Constituída por um grupo de trabalho intersetorial, interdisciplinar, multidisciplinar e interinstitucional, a PEAISPN tem como marca reconhecer o racismo, as desigualdades étnico-raciais e o racismo institucional, como determinantes sociais das condições de saúde, com vistas à promoção da equidade em saúde.

" Atuaremos principalmente contra o racismo institucional, pois se trata de uma política transversal, com formulação, gestão e operação compartilhadas entre as três esferas de governo, de acordo com os princípios e diretrizes do SUS" , enfatiza Maria Salete.

A PEAISPN focará na identificação de doenças geneticamente determinadas (anemia falciforme, por exemplo), na prevenção de doenças prevalentes (hipertensão, diabetes, miomas, pré-eclâmpsia, entre outras) e nos determinantes sociais de vulnerabilidade dessa população.

As ações serão implantadas gradativamente, articuladas com as políticas já existentes e executadas pela SES/RS. Nos municípios, serão inseridas no conjunto de ações da atenção básica. As capacitações de profissionais de saúde e a produção de materiais educativos serão viabilizados com recursos previstos no Plano Anual em Saúde do DAS. Quatro seminários com diversas temáticas já estão programados para este ano.

" A política nacional é recente, de março de 2009. A aprovação, no Rio Grande do Sul, ocorreu agora, mas suas metas e ações já constam do Plano Estadual de Saúde 2009/2011 e do orçamento de 2010 do Estado" , diz Maria Salete.

Fonte:
   Palavras-chave:   Atenção à saúde    População negra    PEAISPN    Rio Grande do Sul   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Atenção à saúde    população negra    PEAISPN    Rio Grande do Sul   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.