Saúde Pública
publicado em 23/08/2013 às 04h52:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

O governo do Estado de São Paulo vai ampliar a oferta de medicamentos na rede pública de saúde brasileira a partir de uma Parceria Público-Privada inédita entre a Furp (Fundação para o Remédio Popular), laboratório oficial da Secretaria de Estado da Saúde, um dos maiores da América Latina, e a EMS, maior farmacêutica de capital nacional.

Com o contrato, a empresa vencedora do edital da PPP deverá investir R$ 130 milhões em cinco anos na fábrica de medicamentos da Furp de Américo Brasiliense, situada na região de Araraquara, no interior de São Paulo.

Por meio desta parceria, a fábrica da Furp será mais competitiva, atingindo sua plena operação e com registro de novos medicamentos. A expectativa é que sejam produzidos 96 novos medicamentos anualmente, num total de 1,26 bilhão de unidades farmacotécnicas.

Uma das principais vantagens da PPP é a transferência de tecnologia da empresa parceira para a fábrica estatal, que tornará a Furp o laboratório farmacêutico público com a maior e mais abrangente lista de produtos genéricos do Brasil.

A contratação da PPP se dará na modalidade de Concessão Administrativa, pelo prazo de 15 anos.

"Os investimentos do novo parceiro serão em infraestrutura e equipamentos para os laboratórios de controle de qualidade e desenvolvimento farmacotécnico, registro dos produtos, instalação dos almoxarifados, áreas administrativas e rede de tecnologia da informação, validação e certificação da planta de produção e, finalmente, a operação da planta de produção", explica o superintendente da Furp, Flávio Vormittag.

Com a PPP o governo do Estado obterá economia para os cofres públicos, pois caberá ao parceiro privado a realização dos investimentos necessários à operação da fábrica e os registros de medicamentos genéricos, bem como com as despesas com pessoal e outros custos.

A plena operação da fábrica demandará a contratação de cerca de 400 novos funcionários. Além de investir em pessoal e matéria-prima, a empresa parceira entregará os medicamentos já na caixa para a Furp.

A PPP não inclui a fábrica da Furp de Guarulhos, na Grande São Paulo.

Fonte: SP NOTICIAS
   Palavras-chave:   Genéricos    Médicamentos genéricos    Parceria público-privada    PPP    Furp    EMS    Saúde   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
genéricos    médicamentos genéricos    parceria público-privada    PPP    Furp    EMS    saúde   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.