Ciência e Tecnologia
publicado em 22/08/2013 às 14h30:00
   Dê o seu voto:

Videogames promovem capacidade de pensar e de aprender com os erros

Estudo indica que 'flexibilidade cognitiva' pode ser treinada e melhorada usando ferramentas de aprendizagem como jogos

 
tamanho da letra
A-
A+
Imagem: Blizzard Entertainment
Pesquisadores descobriram que jogadores de StarCraft foram mais rápidos e mais precisos na realização de tarefas cognitivas
  « Anterior
Próxima »  
Pesquisadores descobriram que jogadores de StarCraft foram mais rápidos e mais precisos na realização de tarefas cognitivas

Certos tipos de jogos de videogame podem ajudar a treinar o cérebro para se tornar mais ágil e melhorar o pensamento estratégico, de acordo com cientistas da Queen Mary University of London e do University College London, no Reino Unido.

Os pesquisadores recrutaram 72 voluntários e mediram sua "flexibilidade cognitiva" descrita como a habilidade de uma pessoa para se adaptar e alternar entre as tarefas, e pensar em várias ideias em um determinado momento para resolver problemas.

Dois grupos de voluntários foram treinados para desempenhar diferentes versões de um jogo de estratégia em tempo real chamado StarCraft, jogo rápido onde os jogadores têm de construir e organizar exércitos para combater um inimigo. Um terço do grupo jogou uma simulação da vida real chamada The Sims, que não exige muita memória ou muitas táticas.

Os voluntários praticaram os jogos durante 40 horas, ao longo de seis a oito semanas, e foram submetidos a uma variedade de testes psicológicos antes e depois.

Todos os participantes foram do sexo feminino, já que o estudo não foi capaz de recrutar um número suficiente de voluntários do sexo masculino que jogaram videogame por menos de duas horas por semana.

Os pesquisadores descobriram que aqueles que jogaram StarCraft foram mais rápidos e mais precisos na realização de tarefas cognitivas do que aqueles que jogaram The Sims.

"Pesquisas anteriores já haviam demonstrado que os videogames de ação podem acelerar a tomada de decisão, mas o atual trabalho constata que jogos de estratégia em tempo real, podem promover a nossa capacidade de pensar e de aprender com os erros do passado", afirma o pesquisador Brian Glass.

Segundo os pesquisadores, o trabalho mostra que a flexibilidade cognitiva, a pedra fundamental da inteligência humana, não é uma característica estática, mas pode ser treinada e melhorada usando ferramentas de aprendizagem divertidas como jogos.

Glass e seus colegas pretendem entender agora o que exatamente sobre estes jogos está levando a essas mudanças, e se esses impulsos cognitivos são permanentes ou se diminuem ao longo do tempo. "Uma vez que tivermos essa compreensão, poderíamos desenvolver intervenções clínicas para sintomas relacionados à atenção e hiperatividade ou lesões cerebrais traumáticas, por exemplo", conclui o pesquisador.

A pesquisa foi publicada na revista PLOS ONE.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Videogames promovem capacidade de pensar e de aprender com os erros
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Videogames promovem capacidade de pensar e de aprender com os erros


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Videogames    flexibilidade cognitiva    pensamento estratégico    Queen Mary University of London    Brian Glass   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.