Geral
publicado em 16/08/2013 às 10h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Cientistas norte-americanos descobriram que um ingrediente ativo presente em um creme para pele é capaz de retardar ou até mesmo impedir os efeitos da doença de Parkinson em células cerebrais.

A pesquisa revela que o ingrediente, chamado cinetina, pode fazer mais do que prevenir as rugas.

Os cientistas identificaram a ligação através de estudos bioquímicos e celulares, mas a equipe de investigação está agora realizando testes da droga em modelos animais de Parkinson.

A pesquisa foi publicada na revista Cell.

"Cinetina é uma grande molécula a ser estudada, porque já é vendida em farmácias como um creme tópico antirrugas. Então, é uma droga que sabemos que é segura para uso em pessoas", afirma o pesquisador Kevan Shokat, da Universidade da Califórnia, em San Francisco.

Em 2004, pesquisadores descobriram mutações em uma proteína chamada PINK1 associada com a forma hereditária da doença. Desde então, estudos mostraram que as PINK1 normalmente entram na membrana de células dentro das mitocôndrias danificadas que faz com que outra proteína, Parkin, seja recrutada para a mitocôndria, que são organelas responsáveis pela geração de energia.

Neurônios exigem altos níveis de produção de energia, portanto, quando ocorre dano mitocondrial, isso pode levar à morte neuronal. No entanto, quando Parkin está presente em mitocôndrias danificadas, a célula é capaz de sobreviver ao dano. Em pessoas que herdam mutações em PINK1, no entanto, Parkin nunca é recrutada para as organelas, levando à morte neuronal mais frequente do que o habitual.

Shokat e seus colegas queriam desenvolver uma maneira de ligar ou acionar a atividade de PINK1, evitando assim um excesso de morte celular em pacientes com doença de Parkinson herdada.

A equipe descobriu que a proteína cinetina-trifosfato, ou KTP, ligou a atividade não só de PINK1 normal, mas também da versão mutada, que não se liga de ATP, a molécula de energia.

"Esta droga faz algo que quimicamente nunca pensei ser possível. Mas isso serve para mostrar que, se você encontrar a chave certa para a fechadura certa, você vai ser capaz de abrir a porta", afirma Shokat.

O grupo mediu então a atividade de PINK1 diretamente, bem como as consequências a de sua atividade, incluindo a quantidade de Parkin recrutada para a superfície mitocondrial e os níveis de morte celular.

A adição de cinetina, precursora de KTP, a células, aumentou o nível de Parkin em mitocôndrias danificadas e diminuiu os níveis de morte neuronal.

De acordo com os pesquisadores, eles encontraram uma droga que age especificamente sobre um fator da doença de Parkinson e inverte as causas celulares da doença.

Os resultados sugerem que a cinetina, que é um precursor de KTP, poderia ser usada para tratar não só os doentes de Parkinson com mutação em PINK1, mas para retardar a progressão da doença em pessoas sem histórico familiar, diminuindo a morte das células.

Shokat está agora realizando experiências sobre os efeitos de cinetina em ratos com várias formas de doença de Parkinson.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Parkinson    Creme facial    Cinetina    Kevan Shokat    Universidade da Califórnia   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Parkinson    creme facial    cinetina    Kevan Shokat    Universidade da Califórnia   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.