Geral
publicado em 03/06/2013 às 17h30:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Hakan Kiziltan/Foto Stock
As medidas de pressão arterial são tomadas a partir da artéria braquial no braço, mas olhar para a saúde das artérias centrais pode ser uma maneira mais sensível de avaliar as capacidades cognitivas
  « Anterior
Próxima »  
As medidas de pressão arterial são tomadas a partir da artéria braquial no braço, mas olhar para a saúde das artérias centrais pode ser uma maneira mais sensível de avaliar as capacidades cognitivas

A pressão arterial elevada, particularmente nas artérias que fornecem sangue para a cabeça e pescoço, pode estar relacionada com o declínio da capacidade cognitiva, de acordo com um novo estudo da Swinburne University, na Austrália.

Os resultados mostraram que pessoas com hipertensão nas artérias centrais, incluindo aorta e as artérias carótidas no pescoço, tiveram um desempenho pior em testes de processamento visual, e tiveram o pensamento mais lento e piores habilidades de reconhecimento.

Segundo os pesquisadores, normalmente as medidas de pressão arterial são tomadas a partir da artéria braquial no braço, mas olhar para a saúde das artérias centrais pode ser uma maneira mais sensível de avaliar as capacidades cognitivas.

As artérias centrais são flexíveis, expandindo e contraindo para manter constante o fluxo de sangue para o cérebro. Na medida em que as pessoas envelhecem, as artérias centrais endurecem, e com menor elasticidade, o cérebro recebe o sangue em uma pressão mais alta, o que pode danificar a cognição.

No estudo, a equipe analisou se a associação entre pressão arterial e cognição foi mais forte para medições feitas no braço ou nas artérias centrais.

Os pesquisadores examinaram 493 australianos com idades entre 20 e 82 anos. Os participantes eram, na maioria, brancos, e todos eram não fumantes sem histórico de acidente vascular cerebral ou demência.

Os participantes do estudo realizaram tarefas para medir vários tipos de conhecimento, tais como o processamento visual, memória de trabalho, habilidades de reconhecimento e velocidade de processamento. Os pesquisadores também tomaram medidas de pressão arterial do braço e das artérias centrais.

A equipe descobriu que a pressão arterial braquial elevada foi associada a pior desempenho no teste de processamento visual, mas que a hipertensão nas artérias centrais foi correlacionada com pior desempenho em vários testes, incluindo processamento, reconhecimento e velocidade de processamento visual.

De acordo com os pesquisadores, isto sugere que a pressão arterial central é um indicador mais sensível do envelhecimento cognitivo.

A equipe agora pretende avaliar se a redução da pressão arterial central, o que pode ser feito por mudanças de hábitos como parar de fumar, fazer exercício físico regular ou limitar a ingestão de sal, pode proteger as pessoas contra a deterioração mental.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Pressão arterial elevada    Hipertensão    Funcionamento do cérebro    Déficit cognitivo    Swinburne University   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.