Saúde Pública
publicado em 31/05/2013 às 13h06:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Acordo assinado, nesta quinta-feira (30), entre o American College of Cardiology (ACC) e a Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp) integra o Brasil no maior levantamento mundial para a melhoriada qualidade de assistência em cardiologia.

O ACC é responsávelo pelo Pinnacle Registry®, um sistema de práticas que ajudam na promoção de inovações e de excelência clínica, além de identificar oportunidades de melhoria no atendimento e orientação dos pacientes. " Devemos ter aproximadamente 10 mil levantamentos em seis meses, e a parceria está acertada por dois ou três anos, podendo ser estendida. Será o maior levantamento já realizado no país," afirma o coordenador do Projeto Pinnacle no Brasil e na Socesp, Álvaro Avezum.

Com a entrada do Brasil, o levantamento que já atinge, além dos EUA, a China e a Índia, passa a ter em sua base de dados quase a metade da população mundial, com milhões de registros de pacientes. Inicialmente, 250 centros hospitalares brasileiros vão aplicar um questionário criado pelo programa em seus pacientes durante as consultas de rotina, identificando os fatores de risco para doenças cardiovasculares, diagnóstico, tratamento e eventos cardio-vasculares.

O objetivo do projeto é conhecer de maneira abrangente, com representação de todo país, a prática clínica em doença arterial coronária, insuficiência cardíaca, fibrilação atrial, hipertensão arterial e acidente vascular cerebral. Com estas informações será possível utilizar ferramentas de melhoria de qualidade assistencial reduzindo o ônus da doença cardiovascular no Brasil, dando aos governos federal, estadual e municipal, maiores condições para implementar políticas públicas de saúde.

" Os centros serão responsáveis pelo encaminhamento das respostas para a SOCESP, que terá uma infraestrutura de informática para receber os dados e compilá-los. Com a tabulação será possível identificar, por exemplo, se em uma região as pessoas têm maior tendência à hipertensão ou ao colesterol elevado," diz o presidente da Socesp, Carlos Costa Magalhães.

Segundo dados Organização Mundial de Saúde (OMS), a previsão é de que, em 2040, o Brasil seja o campeão em mortalidade por doenças cardiovasculares no mundo.

O acordo foi assinado durante o XXXIV Congresso da Socesp, que acontece, de 30 de maio e 1º de junho, no Transamérica Expo Center, em São Paulo.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Pinnacle Registry    American College of Cardiology    ACC    Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo    Socesp    Álvaro Avezum    Carlos Costa Magalhães   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.