Ciência e Tecnologia
publicado em 07/05/2013 às 10h22:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Antoninho Perri/Unicamp
A pesquisadora Mônica Siqueira Ferreira, o farmacêutico Diogo Noin de Oliveira e o professor Rodrigo Ramos Catharino no laboratório da Unicamp
  « Anterior
Próxima »  
A pesquisadora Mônica Siqueira Ferreira, o farmacêutico Diogo Noin de Oliveira e o professor Rodrigo Ramos Catharino no laboratório da Unicamp

Pesquisadores do Laboratório Innovare de Biomarcadores, da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, criaram uma nova plataforma de pesquisa que utiliza imagens em duas e três dimensões associadas a dados estatísticos que permitem identificar, em segundos, todos os componentes químicos presentes ou não na formulação de produtos de beleza.

Essa nova plataforma, denominada de Cosmetômica, oferece até 99% de acerto, garantindo a fabricantes e consumidores a qualidade e a segurança de produtos. Para testar o poder da aplicação da plataforma que associa, pela primeira vez na área de cosmética, uma técnica analítica aliada ao tratamento estatístico de dados, os pesquisadores analisaram as principais marcas de esmaltes, batons e lápis de olho à venda em lojas e mercados brasileiros. Este é o primeiro trabalho em que foram usadas as técnicas de Ionização por Dessorção a Laser Assistida por Matriz (da sigla em inglês MALDI) e Espectrometria de Massas por Imagem (também do inglês MSI) na área de cosmética.

Sem revelar as marcas analisadas , os pesquisadores constataram que três das nove amostras de esmalte investigadas apresentaram em sua composição taxas elevadas de SUDAM III, uma substância considerada potencialmente cancerígena; cinco amostras de batom foram analisadas (duas novas, duas em uso e uma com prazo de validade vencido), e um dos produtos em uso apresentou mudanças significativas em algumas características sensoriais, como odor rançoso, antes mesmo do vencimento do prazo de validade, enquanto outra marca não tinha um dos componentes hidratantes descritos no rótulo.

Três amostras de lápis de olho foram analisadas (um novo, um usado e outro com uso vencido). O produto vencido mostrou substâncias que, além de irritações e alergias, podem tornar o ambiente ocular propício para proliferação de microrganismos causadores de infecções na região.

Os resultados obtidos foram publicados na edição de março da revista Materials, no artigo " Cosmetic analysis using Matrix-Assisted Laser Desorption/Ionization Mass Spectrometry Imaging (MALDI-MSI)" . A pesquisa foi conduzida pelo farmacêutico Diogo Noin de Oliveira, aluno de pós-graduação do programa de ciências médicas da FCM da Unicamp.

" Eu peguei a técnica MALDI-MSI, utilizada na área médica para a visualização de tecidos de origem animal e vegetal, e associei-a à área de processos produtivos. Defini as substâncias e os biomarcadores existentes para cada produto analisado, estabeleci dados matemáticos utilizando softwares específicos e juntei tudo isso nessa plataforma que denominei de Cosmetômica o estudo de todos os processos e subprodutos que envolvem o cosmético" , explicou Diogo.

De acordo com Rodrigo Ramos Catharino, professor do curso de Farmácia da Unicamp e responsável pela orientação do trabalho, a aplicação dessa nova plataforma permite acompanhar todo o processo de produção de um cosmético, desde a matéria-prima até a sua degradação ou como se diz na área química, oxidação o número de elétrons que um átomo ou molécula perde ou ganha para adquirir estabilidade química. Isso gera um aproveitamento melhor do produto para a empresa, além de segurança, saúde e qualidade de vida para o consumidor.

" Com essa nova plataforma, conseguimos analisar o produto que está na casa do consumidor e dizer se as substâncias nele contidas fazem, realmente, aquilo que as indústrias prometem ou não" , completa Catharino.

Com informações da Unicamp

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Cosmetômica    Laboratório Innovare de Biomarcadores    Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp    Cosmetic analysis using Matrix-Assisted Laser Desorption/Ionization Mass Spectrometry Imaging (MALDI-MSI)    Diogo Noin de Oliveira    Rodrigo Ramos Catharino   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.