Ciência e Tecnologia
publicado em 06/12/2009 às 13h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Divulgação/AFTAU's Communications
Foto: Divulgação/AFTAU's Communications
Fibras que podem ser usadas para revestir os stents metálicos e biodegradável Meital Zilberman, professora do Departamento de Engenharia Biomédica da Universidade de Tel Aviv
  « Anterior
Próxima »  
Fibras que podem ser usadas para revestir os stents metálicos e biodegradável
Meital Zilberman, professora do Departamento de Engenharia Biomédica da Universidade de Tel Aviv

A Professora Meital Zilberman do Departamento de Engenharia Biomédica da Universidade de Tel Aviv desenvolveu uma nova patente pendente da plataforma de fibra que transporta os medicamentos para onde eles são necessários dentro do corpo, e em seguida, se dissolve. As novas fibras melhoram a tecnologia dos stents, podendo ser usadas no revestimento de stents de metal já existentes, ou nos biodegradáveis em desenvolvimento.
"Nossos novos compostos de fibras consistem de um núcleo forte revestido com uma droga de solução liberadora. Eles combinam força com os elementos desejados necessários para a liberação da droga, assim eles podem ser utilizados como base dos stents biodegradáveis, diz Zilberman.
Pré-programada para liberar a droga de sua composição de uma forma controlada, a nova patente de fibras também pode ser programada para se dissolver dentro de um número preciso de meses, assim o stent pode fazer o seu trabalho e depois desaparecer.
Professora Zilberman diz que as fibras biodegradáveis - apenas cinco vezes a espessura de um cabelo humano - podem ser aplicadas em tratamentos contra o câncer, em especial para os de difícil acesso e áreas sensíveis, bem como no cérebro, ou em crianças pequenas, observa ela.
"Quando você tira um tumor do cérebro, você não pode 'limpar' o tecido cerebral circundante - as tentativas de fazê-lo podem levar a danos no tecido adicional. Mas se você deixou a droga carregada nas fibras biodegradáveis no cérebro, o stent poderia fazer o trabalho e, em seguida, desaparecer quando não for mais necessário", acrescenta.
E uma vez que as fibras são finas e delicadas, métodos laparoscópicos podem ser usados para sua inserção, aumentando ainda mais as chances de uma recuperação completa.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Stents    Patentes    Fibras biodegradáveis    Meital Zilberman    Tecnologia    Universidade de Tel Aviv   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
stents    patentes    fibras biodegradáveis    Meital Zilberman    tecnologia    Universidade de Tel Aviv   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.