Geral
publicado em 18/04/2013 às 10h20:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Pesquisadores do UT Southwestern Medical Center, nos EUA, identificaram um gene específico que regula a capacidade do coração de se regenerar depois de sofrer danos e ferimentos.

A equipe acredita que a descoberta pode introduzir uma nova era no tratamento da insuficiência cardíaca.

A função do gene Meis1, que não era conhecida anteriormente, foi descrita na revista Nature.

"Nós descobrimos que a atividade do gene Meis1 aumenta em células do coração logo após o nascimento, próximo do momento em que as células do músculo cardíaco param de se dividir. Com base nesta observação, fizemos uma pergunta simples: Se o gene Meis1 for excluído do coração, as células cardíacas continuam a se dividir até a idade adulta? A resposta é 'sim'", afirma o autor sênior do estudo Hesham Sadek.

Em 2011, Sadek e seus colegas mostraram que o coração dos mamíferos recém-nascidos é capaz de enviar uma resposta vigorosa e regeneradora a ferimentos através de divisão das suas próprias células. À medida que o recém-nascido cresce, o coração rapidamente perde a capacidade de se regenerar e reparar lesões tais como ataques cardíacos.

A equipe de pesquisa demonstrou que a supressão de Meis1 prorrogou o período de proliferação nos corações de ratos recém-nascidos, e também reativou o processo regenerativo no coração de ratos adultos sem efeito prejudicial sobre as funções cardíacas.

A nova descoberta demonstra que Meis1 é um fator chave no processo de regeneração, e o entendimento da função do gene pode levar a novas opções terapêuticas para regeneração cardíaca de adultos.

"Meis1 é um fator de transcrição que atua como um programa de software que tem a capacidade de controlar a função de outros genes. Neste caso, verificou-se que MEIS1 controla vários genes que normalmente atuam como freios sobre a divisão celular. Como tal, Meis1 poderia ser utilizado como um interruptor ' liga/desliga' para ativar a divisão das células do coração de adultos. Se feito com sucesso, este processo poderia introduzir uma nova era no tratamento da insuficiência cardíaca", conclui Sadek.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Regeneração de células do coração    gene Meis1    UT Southwestern Medical Center    Hesham Sadek   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.