Geral
publicado em 10/04/2013 às 09h50:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Um quarto das mulheres que devem tomar terapias hormonais como parte de seu tratamento de câncer de mama ou não iniciam ou não concluem o tratamento de cinco anos, de acordo com estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de Michigan, nos EUA.

A pesquisa indica que a razão mais comum pela qual os pacientes interromperam ou nunca começaram a terapia endócrina foi a incidência de efeitos colaterais

Cinco anos de tamoxifeno por dia ou inibidores de aromatase, dois tipos de terapia endócrina tomada como uma pílula, são recomendados para muitas mulheres cujo câncer de mama expressa os hormônios estrogênio e progesterona.

As drogas reduzem a recorrência do câncer e aumenta a sobrevivência. Estudos recentes sugerem que pode haver ainda mais benefícios para algumas mulheres que continuam esta terapia por 10 anos.

Apesar disso, o estudo de 743 mulheres elegíveis para terapia endócrina descobriu que nunca sobre 11 por cento iniciou os tratamentos e 15 por cento pararam de tomar cedo. Os resultados aparecem em linha Breast Cancer Research and Treatment.

"Estamos nos saindo bem com as mulheres que tomam a terapia endócrina, mas há trabalho a se fazer. Se as diretrizes começarem a mudar para que algumas mulheres com alto risco de câncer de mama recorrente precisem de 10 anos de terapia endócrina, em seguida, o número de mulheres que persistem com o tratamento, provavelmente, vai piorar. Precisamos desenvolver melhores formas de apoiar as mulheres através desta terapia", afirma o autor do estudo Christopher Friese.

A razão mais comum pela qual os pacientes interromperam ou nunca começaram a terapia endócrina foi a incidência de efeitos colaterais. Muitas mulheres experimentam na menopausa sintomas como ondas de calor ou secura vaginal, e ambos os tipos de drogas, mais comumente os inibidores de aromatase, podem causar dores nas articulações.

O estudo pesquisou mulheres nos EUA que foram diagnosticadas com câncer de mama. As mulheres foram pesquisadas cerca de nove meses após o diagnóstico e, novamente, cerca de quatro anos mais tarde, com perguntas sobre o uso de tamoxifeno ou qualquer tipo de inibidor da aromatase.

As mulheres que expressaram mais preocupação sobre a recorrência do câncer eram mais propensas a completar a terapia endócrina, como eram as mulheres que já tomavam a medicação regularmente.

As mulheres que relataram ter recebido menos informação sobre terapia endócrina eram menos propensas a começar a terapia, o que sugere que os médicos precisam abordar a educação do paciente antes do início do tratamento. As mulheres que tinham um cirurgião de mama como principal médico acompanhante, em vez de um médico oncologista, também foram menos propensas a começar a hormonioterapia.

"Foi particularmente interessante que o maior medo de recorrência foi associado, em nossa amostra de pacientes, com maior adesão à terapia endócrina. Nós não queremos que nossos pacientes vivam sob uma nuvem de medo, então precisamos desenvolver formas criativas para tanto tranquilizar quanto motivá-los. Isso significa oferecer uma melhor educação sobre a importância da permanência nestes medicamentos e em parceria com os cuidados primários e médicos ajudar os pacientes a controlar os sintomas", conclui a autora principal da pesquisa Jennifer J. Griggs.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Câncer de mama    tratamento hormonal    tamoxifeno    inibidores de aromatase    efeitos colaterais    Universidade de Michigan   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.