Ciência e Tecnologia
publicado em 22/03/2013 às 11h12:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Will Kirk/Johns Hopkins University
Reprodulção: Johns Hopkins University
Protótipo de baixo custo pode ajudar a evitar danos cerebrais em bebês carentes de oxigênio nas regiões em desenvolvimento Da esquerda para direita, Nathan Buchbinder, John J. Kim e Simon Ammanuel
  « Anterior
Próxima »  
Protótipo de baixo custo pode ajudar a evitar danos cerebrais em bebês carentes de oxigênio nas regiões em desenvolvimento
Da esquerda para direita, Nathan Buchbinder, John J. Kim e Simon Ammanuel

Pesquisadores e alunos da Universidade Johns Hopkins, nos EUA, desenvolveram uma unidade de baixo custo para fornecer refrigeração a bebês privados de oxigênio antes do nascimento.

Quando bebês não recebem oxigênio antes do nascimento, danos cerebrais e doenças como a paralisia cerebral podem ocorrer. A refrigeração prolongada pode evitar lesões cerebrais, mas este tratamento não é sempre disponível em países em desenvolvimento.

Para atender a essa necessidade, os pesquisadores criaram o dispositivo, chamado Cooling Cure, que tem como objetivo reduzir a temperatura do recém-nascido durante três dias, um tratamento que tem sido mostrado para proteger a criança de dano cerebral, se administrado pouco depois da ocorrência de perda de oxigênio.

As causas mais comuns da privação de oxigênio é a amarração do cordão umbilical ou um problema com a placenta da mãe durante um parto difícil. Nas regiões em desenvolvimento, o parto irregular, anemia e desnutrição durante a gravidez também podem contribuir para a privação de oxigênio.

Resultados publicados na revista Medical Devices: Evidence and Research, os inventores relataram testes em animais bem sucedido do protótipo.

O dispositivo é feito de uma panela de barro, uma cesta revestida de plástico, areia, pó de gelo instantâneo, sensores de temperatura e um microprocessador e duas pilhas. Para ativá-lo, basta adicionar água.

Este pó é o tipo usado em bolsas de gelo que ajudam a reduzir o inchaço. Para ativar a unidade de arrefecimento do bebê, é adicionada água à mistura de areia e pó, provocando uma reação química que extrai o calor para fora do cesto superior, que embala o recém-nascido. O produto químico não entra em contato direto com o bebê.

As baterias ativam um microprocessador e sensores que monitoram a temperatura interna e da pele da criança. Pequenas luzes piscam em vermelho se a temperatura do bebê é muito quente, e em verde se a temperatura está correta e azul se a criança está muito fria. Ao ver as luzes, enfermeiras ou um membro da família podem adicionar água para aumentar o resfriamento. Se a criança estiver muito gelada, o cuidador pode retirar a criança da superfície de refrigeração até que a temperatura adequada seja restaurada.

"Os alunos vieram com um dispositivo que é fácil para as pessoas não especializadas usarem. É barato e fácil de usar", afirma Michael V. Johnston, que aconselhou a equipe de graduação.

Os alunos e seus professores obtiveram uma patente provisória que cobre o baixo custo da unidade de refrigeração do bebê. Em um futuro próximo, eles esperam começar testes clínicos em humanos em uma região em desenvolvimento.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Dispositivo de resfriamento    danos cerebrais    privação de oxigênio    Universidade Johns Hopkins    Cooling Cure    Michael V. Johnston   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.