Saúde Pública
publicado em 14/03/2013 às 12h56:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: SECOM RJ
Quase todos os municípios do Noroeste Fluminense estão em situação de alerta
  « Anterior
Próxima »  
Quase todos os municípios do Noroeste Fluminense estão em situação de alerta

A epidemia de dengue já afeta 35 municípios do estado do Rio, segundo a Superintendência de Vigilância Epidemiológica e Ambiental da Secretaria de Estado de Saúde. Os dados divulgados nesta semana mostram que o número representa 38% dos municípios do estado.

A região que registra o maior número de cidades com epidemia é o Noroeste Fluminense, onde quase todos os municípios estão em situação de alerta, com exceção de Varre-Sai.

Durante a 10ª semana epidemiológica de 2013 (de 1º de janeiro até 9 de março) foram notificados 41.409 casos suspeitos de dengue em todo o estado, 8 mil casos a mais do que os dados registrados no mesmo período de 2012.

Segundo a secretaria, não houve registro de mortes pela doença até o momento.

Epidemia

Entre os critérios considerados para que um município entre em epidemia está o registro de mais de 300 casos por 100 mil habitantes, curva ascendente de transmissão da doença sustentada por três semanas ou mais consecutivas, e com números acima do limite esperado para a localidade num determinado período de tempo.

Centros de Hidratação

A Secretaria de Estado de Saúde já implantou, em parceria com as prefeituras, 46 Centros de Hidratação em 30 municípios do estado. As regiões do Noroeste e Médio Paraíba são as que concentram mais centros. Entre os municípios, o que tem mais unidades é Volta Redonda, com oito no total.

Acesse a lista dos centros hidratação aqui.

Veja a lista dos municípios em epidemia de dengue

Baixada Litorânea

Iguaba Grande, Rio das Ostras, Armação de Búzios, Cabo Frio, Casimiro de Abreu e São Pedro D'Aldeia.

Centro Sul Fluminense

Paracambi, Sapucaia, Comendador Levy Gasparian e Três Rios.

Médio Paraíba

Valença, Pinheiral e Volta Redonda.

Noroeste Fluminense

Aperibé, Cambuci, Cardoso Moreira, Italva, Itaocara, Itaperuna, Miracema, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá, Porciúncula, Natividade, Bom Jesus do Itabapoana e Laje do Muriaé.

Norte Fluminense

São Fidélis.

Região da Baía da Ilha Grande

Angra dos Reis.

Região Metropolitana II

Rio Bonito, Itaboraí e Tanguá.

Região Serrana

Cantagalo, Macuco, São Sebastião do Alto e Cachoeiras de Macacu.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
dengue    Aedes aegypti    epidemia    Rio de Janeiro    Superintendência de Vigilância Epidemiológica e Ambiental    Centro de Hidratação   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.