Geral
publicado em 11/03/2013 às 09h59:00
   Dê o seu voto:

Pesquisa mostra que mulheres que tomaram aspirina por cinco ou mais anos tinham 30% menos risco de desenvolver melanoma

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Science Buzz
Mulheres que usaram aspirina tinham um risco 21% menor de câncer de pele
  « Anterior
Próxima »  
Mulheres que usaram aspirina tinham um risco 21% menor de câncer de pele

Mulheres que tomam aspirina têm um risco reduzido de desenvolver melanoma. É o que mostra estudo de pesquisadores da Stanford University School of Medicine, nos EUA.

Os resultados sugerem que quanto mais tempo o analgésico é tomado, menor o risco de desenvolver a forma agressiva de câncer de pele.

A pesquisa, que foi parte do Women's Health Initiative, avaliou mulheres de 50 a 79 anos por uma média de 12 anos e observou quais participantes desenvolveram câncer.

No início do estudo, as mulheres foram questionadas sobre quais medicamentos faziam uso o que comiam e que atividades realizavam.

Quando Jean Tang e seus colegas analisaram dados disponíveis de 59.806 mulheres brancas no estudo, eles descobriram que aquelas que tomaram aspirina por mais tempo foram menos propensas a desenvolver melanoma durante os 12 anos de acompanhamento.

No geral, as mulheres que usaram aspirina tinham um risco 21% menor de câncer de pele em relação a não usuárias. Cada aumento incremental no tempo de utilização de aspirina foi associado a um risco 11% mais baixo de melanoma.

Assim, as mulheres que usaram aspirina durante cinco ou mais anos tinham um risco 30% menor de ter melanoma do que as mulheres que não usaram o analgésico.

"A aspirina funciona reduzindo a inflamação e pode ser por isso que pode diminuir o risco de desenvolver o melanoma. Outros medicamentos para a dor, como o paracetamol, não reduzem o risco da doença nas mulheres", afirma Tang.

Segundo os pesquisadores, os resultados apoiam a concepção de um ensaio clínico para testar diretamente se a aspirina pode ser tomada para prevenir o melanoma.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Aspirina    Câncer de pele    Melanoma    Stanford University School of Medicine    Jean Tang   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Aspirina    câncer de pele    melanoma    Stanford University School of Medicine    Jean Tang   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.