Geral
publicado em 16/02/2013 às 10h27:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Gary Meek/Georgia Tech
Foto: Gary Meek/Georgia Tech
Cheng Zhu (sentado) e Andres Garcia, pesquisadores envolvidos no estudo Cheng Zhu trabalha na pesquisa sobre
  « Anterior
Próxima »  
Cheng Zhu (sentado) e Andres Garcia, pesquisadores envolvidos no estudo
Cheng Zhu trabalha na pesquisa sobre "reforço cíclico mecânico", fenômeno que afeta a maneira de como as células se conectam à matriz extracelular

Cientistas do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos EUA, identificaram um novo mecanismo que permite que as células do corpo se unam umas às outras e a outras estruturas, função essencial na formação de estruturas de tecidos e órgãos. Acredita-se que anormalidades na capacidade das células de fazer isso desempenham um papel importante em uma grande variedade de doenças, incluindo as doenças cardiovasculares e câncer.

As descobertas descrevem um aspecto novo e surpreendente da adesão celular envolvendo a família de moléculas de adesão celular conhecida como integrinas, que são encontradas na superfície da maioria das células.

Segundo os pesquisadores, a pesquisa revelou um fenômeno denominado "reforço mecânico cíclico", em que o período de tempo durante o qual os vínculos existem é estendido por meio de repetidas ligações e liberações entre as integrinas e os ligantes que fazem parte da matriz extracelular na qual as células se anexam.

"Este documento identifica um novo tipo de vínculo que se fortalece com aplicações cíclicas da força, e que parece ser mediado por alterações de forma complexas em receptores de integrina. Os resultados também lançam luz sobre um possível mecanismo utilizado pelas células para sentir a topografia extracelular e agregar informações através da "recordação" de eventos de interação múltiplos", explica o coautor Martin Humphries.

"Muitas funções celulares tais como a diferenciação, o crescimento e a expressão de genes específicos dependem da interação de células com os ligantes da matriz extracelular. As células respondem ao seu meio ambiente, que inclui muitos aspectos mecânicos. Este estudo alargou a nossa compreensão de como as conexões são feitas e como as forças mecânicas regulam as interações", destaca o autor correpondente Cheng Zhu.

Células do corpo regulam a adesão em resposta a ambas forças aplicadas internamente e externamente. Isto é particularmente importante para a adesão mediada por proteínas, tais como as integrinas, que se ligam à matriz extracelular ao citoesqueleto e permite ambas as fixações mecânicas e os meios para iniciar a sinalização.

A equipe estudou a adesão entre a integrina e fibronectina, proteína componente da matriz extracelular. O que eles descobriram foi que forças cíclicas aplicadas ao vínculo o transferem de um estado de curta duração, com vida útil de cerca de um segundo, para um estado de longa duração que pode existir por mais de uma centena de segundos.

"Os resultados do trabalho têm implicações profundas para o nosso entendimento da sinalização regulada pela força. Há provas biológicas abundantes de que a elasticidade controla processos tais como a proliferação de células cancerosas e a diferenciação das células estaminais, mas a forma como essa informação é transferida através da membrana celular ainda não é compreendida", conclui Humphries.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Adesão celular    reforço mecânico    integrinas    doenças cardiovasculares    câncer    Instituto de Tecnologia da Geórgia    Martin Humphries   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.