Geral
publicado em 15/02/2013 às 09h38:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Matt Hallowell/MSU
Foto: Matt Hallowell/MSU
Foto: G.L. Kohuth/MSU
Pesquisadores procuraram compreender como um suplemento probiótico afeta a densidade óssea Ossos de rato em scanner de tomografia computadorizada para determinar densidade Robert Britton e Laura McCabe, envolvidos no estudo
  « Anterior
Próxima »  
Pesquisadores procuraram compreender como um suplemento probiótico afeta a densidade óssea
Ossos de rato em scanner de tomografia computadorizada para determinar densidade
Robert Britton e Laura McCabe, envolvidos no estudo

Cientistas da Universidade do Estado de Michigan, nos EUA, descobriram que um suplemento probiótico natural pode ajudar camundongos machos, mas não fêmeas, a produzir ossos saudáveis.

A pesquisa pode representar um passo inicial em direção a novos tratamentos para pessoas com osteoporose.

"Nós sabemos que a inflamação no intestino pode causar perda óssea, porém não se sabe exatamente por que. O interessante que descobrimos é que um probiótico pode aumentar a densidade óssea", afirma a autora da pesquisa Laura McCabe.

Os probióticos são microrganismos que podem ajudar a equilibrar o sistema imunológico. Para o estudo, os investigadores alimentaram ratos com Lactobacillus reuteri, um probiótico conhecido para reduzir a inflamação, efeito prejudicial da resposta imune do organismo à infecção.

"Por meio de fermentação de alimentos, temos de ingerir bactérias que classificamos como probióticos durante milhares de anos. Há evidências de que esta bactéria como uma espécie tem co-evoluído com os humanos. É natural do nosso trato intestinal e é algo que, se faltar, pode causar problemas", explica o coautor Robert Britton.

Os resultados mostraram que ratos machos tiveram um aumento significativo na densidade óssea após quatro semanas de tratamento. Não houve tal efeito quando os pesquisadores repetiram o experimento com camundongos fêmeas.

A equipe ressalta que a pesquisa está em seus estágios iniciais e que os resultados em camundongos nem sempre se traduzem para os seres humanos. Mas eles estão esperançosos que o novo estudo pode apontar novo caminho em relação às drogas para osteoporose sem muitos efeitos colaterais, especialmente para as pessoas que perdem densidade óssea desde cedo por causa de outra doença crônica.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Probiótico    probiótico natural    osteoporose    Universidade do Estado de Michigan    Laura McCabe   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.