Geral
publicado em 07/02/2013 às 17h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Yngve Vogt
Professores Håvard Danielsen (a esq.) e Fritz Albregtsen, envolvidos no estudo
  « Anterior
Próxima »  
Professores Håvard Danielsen (a esq.) e Fritz Albregtsen, envolvidos no estudo

Cientistas da Noruega desenvolveram um programa de computador que pode calcular a malignidade de tumores cancerígenos com 80% de precisão através do estudo da composição da cadeia de DNA nos núcleos das células.

A técnica tem potencial para reduzir pela metade o número de prognósticos de câncer incorretos. Em três anos, o método pode ser utilizado em humanos com câncer de cólon, ovário e próstata.

Atualmente, pacientes com câncer são tratados em excesso ou em falta porque os patologistas simplesmente não sabem o suficiente. Prognósticos são feitos estudando amostras de tecido de câncer em um microscópio. A certeza do prognóstico é de apenas 60%.

Segundo os pesquisadores, o novo método não irá substituir patologistas, mas será uma ferramenta para ajudá-los. A equipe acredita que a probabilidade de um prognóstico correto aumenta em 33% com a técnica.

Mesmo que dois pacientes recebam a mesma avaliação de risco e o mesmo tratamento, um pode morrer, enquanto o outro fica bem. Isso tem a ver com a epigenética. A epigenética é uma ciência moderna sobre os interruptores que ligam e desligam os genes.

Genes em cânceres são desligados e ligados de forma diferente do que em células saudáveis. Quais genes são ligados e desligados, portanto, pode ser a diferença entre a vida e a morte.

O novo método se baseia em análises de imagem de todas as seções de câncer de pacientes dos últimos vinte anos, e combina as respostas com o que acontece com cada paciente.

"Nós tivemos acesso a um arquivo de seções patológicas de 5 mil pacientes com câncer de cólon e de reto, por dez anos a partir do momento do diagnóstico. Nós escolhemos 300 pacientes, metade dos quais se saíram bem e metade que não teve resultados positivos", observa o pesquisador Håvard Danielsen, da University of Oslo.

Utilizando análise de imagem, os pesquisadores podiam ver como a cromatina (a mistura da cadeia de DNA e todas as outras proteínas do núcleo celular) foram organizadas. Eles analisaram 2 mil núcleos de células a partir do mesmo paciente.

A sequência de DNA consiste de mais de 20 mil genes e tem quase dois metros de comprimento. A fim de ajustar a cadeia de DNA inteira em um núcleo de célula, que tem apenas seis micrômetros, partes dos genes devem ser embaladas juntas. Os genes que são hermeticamente embalados ficam desligados.

Os outros genes estão ativos. É possível colorir os genes ativos com um corante especial. As seções de luz representam genes ativos, enquanto as seções escuras mostram as partes da cadeia de DNA que estão desligadas.

O método de análise de imagem pode interpretar a organização do DNA no núcleo da célula olhando as texturas.

"As diferenças entre as imagens de células com prognósticos bons e maus são muito pequenas. Nós usamos métodos matemáticos e estatísticos para mapear os padrões de textura. Estes são impossíveis de ver a olho nu", afirma o pesquisador Fritz Albregtsen.

O objetivo é encontrar um número pequeno de parâmetros que permitam que o método de análise possa distinguir claramente entre bons e maus prognósticos.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Prognóstico do câncer    análise de imagem    malignidade    cadeia de DNA    Håvard Danielsen    University of Oslo   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.