Saúde Pública
publicado em 21/01/2013 às 14h35:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

A prefeitura de Campo Grande (MS) decretou, nesta segunda-feira (21), situação de emergência em razão da epidemia de dengue no município, que já registra aproximadamente 715 casos suspeitos por dia.

Em entrevista à Agência Brasil, o prefeito Alcides Bernal explicou que a medida foi tomada considerando a necessidade de resposta urgente ao controle da epidemia e com base em registros da Secretaria Municipal de Saúde, que indicam 9.320 casos notificados na cidade.

Outro fator que levou ao decreto, segundo ele, é a cocirculação dos sorotipos Den-1, Den-2 e Den-4, sendo este último com introdução recente no município. " O tipo 4 não havia circulado por aqui e isso torna toda a população suscetível, com predomínio de 64% dos casos notificados" , explicou Bernal.

O horário de atendimento nas unidades básicas de saúde, de acordo com o prefeito, foi ampliado das 7h às 24h, inclusive aos sábados e domingos. De 5 a 18 de janeiro, mais de 50 mil pessoas buscaram atendimento ambulatorial nessas unidades, sendo que 5 mil pacientes receberam hidratação e 23 pessoas precisaram ser transferidas para hospitais.

" Os números mostram que essa epidemia é a maior de todos os tempos" , disse Bernal, ao lembrar situações semelhantes registradas na cidade em 2007 e 2010. " O decreto traz consigo a possibilidade de fazer a contratação de agentes de saúde sem concurso, por exemplo. Temos muitas áreas descobertas e queremos contratar 160 agentes de controle de endemias" , completou.

A prefeitura pretende ainda ampliar a quantidade de veículos disponíveis para a ações de fumacê (nebulização com inseticida) e, caso seja necessário, contratar leitos na rede particular de saúde para suprir a demanda de pacientes. " O decreto atende a essa necessidade legal. É uma providência que o gestor público municipal tem que tomar para evitar esperar muito tempo" , concluiu.

A prefeitura também conseguiu, no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, uma autorização para as equipes de agentes de saúde entrarem nos imóveis fechados para combater o foco do mosquito.

Fonte: AGÊNCIA BRASIL
   Palavras-chave:   Dengue    Aedes aegypti    Campo Grande    Situação de emergência    Alcides Bernal   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
dengue    Aedes aegypti    Campo Grande    situação de emergência    Alcides Bernal   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.