Geral
publicado em 11/01/2013 às 09h30:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Cientistas do Texas Biomedical Research Institute, nos EUA, demonstraram, pela primeira vez, que células-tronco embrionárias podem ser programadas para restaurar artérias severamente danificadas em laboratório.

Os resultados abrem portas para o desenvolvimento de terapias com células estaminais para restaurar tecidos humanos ou órgãos danificados pelo envelhecimento ou doença.

"Nós primeiro cultivamos as células-tronco em placas de petri em condições especiais para diferenciá-las em células que são precursoras dos vasos sanguíneos, e vimos que elas poderiam formar estruturas tubulares e ramificações, semelhantes às artérias e vasos", afirma o pesquisador John L. VandeBerg.

Esta descoberta deu a VandeBerg e sua equipe a confiança para fazer experimentos complexos a fim de descobrir se essas células poderiam realmente curar uma artéria danificada.

Os cientistas descobriram que as células derivadas de células-tronco embrionárias realmente podem reparar artérias danificadas de babuínos e são agentes terapêuticos promissores para reparar vasos sanguíneos danificados de seres humanos.

A equipe removeu completamente a superfície das células que revestem o interior de um segmento da artéria, e, em seguida, colocou as células que tinham sido derivadas de células estaminais embrionárias no interior da artéria.

Os cientistas então bombearam fluido sob pressão através da artéria de forma semelhante à ação do fluxo sanguíneo. A parte externa da artéria foi banhada em outro fluído para sustentar as células ali localizadas.

Três dias mais tarde, a estrutura complexa da superfície interna tinha começado a se regenerar, e 14 dias depois, o interior da artéria foi perfeitamente restaurado ao seu estado natural complexo.

"Pense o que este tipo de tratamento significaria para um paciente que sofreu um ataque cardíaco como consequência de uma artéria coronária danificada. E este é o potencial real das células estaminais na medicina regenerativa, isto é, um tratamento com células-tronco para regenerar tecido ou órgão danificado", conclui VandeBerg.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
células-tronco    células estaminais    artéria    Texas Biomedical Research Institute    John L. VandeBerg   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.