Geral
publicado em 10/01/2013 às 17h12:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Sonolência e fadiga excessiva durante o dia podem ser sintomas da narcolepsia, distúrbio neurológico do sono, alerta o professor do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da UFMG, Rogério Beato. Os ataques de sono podem ocorrer em momentos que demandam uma concentração ou esforço físico maior, " como dentro de um ônibus, durante a consulta médica , dirigindo o automóvel ou até em situações mais monótonas" , diz especialista em Neurologia Cognitiva.

Um sintoma que caracteriza uma forma mais grave da doença é a catalepsia, uma perda de força na musculatura que pode ser geral, podendo levar à quedas, ou mais localizada, como na mandíbula ou até mesmo na pálpebra, causada por estímulos de surpresa, riso ou até mesmo raiva.

A narcolepsia gera um sintoma conhecido como " paralisia do sono" que é caracterizado como uma paralisia temporária do corpo imediatamente após o despertar ou, com menos frequência, imediatamente antes de adormecer. " O narcolepso pode ter ainda alucinações vividas antes de dormir ou um pouco antes da vigília" , completa Rogério.

Diagnóstico e tratamento

Após consulta em clínica especializada é indicado o exame de polissonografia, onde registra-se o tempo de sono e o número de vezes que a pessoa acordou, e em seguida é feito o teste de latências múltiplas do sono. A narcolepsia é identificada quando a pessoa apresenta sonolência excessiva e a presença do sono REM, caracterizada por sonhos, pouco tempo depois de dormir.

A narcolepsia não tem cura e as causas da doença ainda são desconhecidas, mas existem tratamentos e várias pesquisas em andamento, diz o professor.

Após a confirmação do diagnóstico, o paciente pode utilizar medicamentos estimulantes do sistema nervoso central utilizado para o tratamento da sonolência excessiva. Para amenizar a catalepsia são usados principalmente antidepressivos.

Segundo Rogério Beato, o portador de narcolepsia pode ter boa qualidade de vida, desde que adotados alguns hábitos, como cochilos programados durante o dia, para evitar acidentes causados pela sonolência durante atividades perigosas ou que exigem a atenção. Ele lembra ainda que é comum portadores de narcolepsia estarem acima do peso. " A dieta balanceada evita ainda outras doenças associadas a sobrepeso como diabetes e colesterol alto" , orienta o o especialista.

Com informações da UFMG

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Narcolepsia    Catalepsia    Distúrbio do sono    Polissonografia    REM    Paralisia do sono    Narcolepso   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
narcolepsia    catalepsia    distúrbio do sono    polissonografia    REM    paralisia do sono    narcolepso   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.