Geral
publicado em 27/11/2012 às 14h12:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Elza Fiúza/ABr
Foto: Elza Fiúza/ABr
Foto: Elza Fiúza/ABr
Apresentação da campanha de Mobilização Nacional Contra Dengue, novo boletim epidemiológico da doença e os dados do Levantamento Rápido de Índice Aedes aegypti (LIRAa). Alexandre Padilha, ministro da Saúde Jarbas Barbosa, secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde
  « Anterior
Próxima »  
Apresentação da campanha de Mobilização Nacional Contra Dengue, novo boletim epidemiológico da doença e os dados do Levantamento Rápido de Índice Aedes aegypti (LIRAa).
Alexandre Padilha, ministro da Saúde
Jarbas Barbosa, secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde

Em 2012, o número de casos graves de dengue caiu 64% em comparação a 2011, segundo dados do balanço epidemiológico divulgados pelo Ministério da Saúde nesta terça-feira (27). Contudo, o levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), feito este ano, também revela que 77 municípios brasileiros estão em situação de risco para a doença.

De acordo com a pasta, dos 26 estados, 23 mais o Distrito Federal apresentaram reduções importantes de casos graves em 2012, com exceção de Alagoas, Mato Grosso e Goiás, onde houve aumento. O estado que apresenta maior redução é o Amazonas, com queda de 96% em relação ao mesmo período do ano passado, seguido pelo Acre (94%), Roraima (94%) Paraná, (93%), São Paulo (83%), Espírito Santo (78%) e Rio de Janeiro (76%).

Em números absolutos, o estado do Rio de Janeiro foi o que apresentou a maior redução de casos graves da doença, registrando 891 casos graves de janeiro ao início de novembro de 2012, contra 3.783 no mesmo período do ano passado.

A quantidade de mortes por dengue, no Brasil, também apresentou queda de 62% em comparação com 2010. De janeiro até a primeira semana de novembro, foram confirmados 247 óbitos, sendo que no mesmo período de 2010 foram 650. Se a comparação for feita com o ano passado, quando ocorreram 481 mortes, o percentual de queda é de 49%. Seguindo a mesma tendência de redução de casos, 15 estados e o Distrito Federal apresentaram redução no número de óbitos. Destaque também para os estados do Amapá, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e o Distrito Federal que não apresentaram nenhuma morte.

Para o secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, a diminuição nos casos e óbitos, em todo o país, só foi possível graças a uma ação conjunta do Ministério da Saúde com os estados e municípios. " Porém, essas ações devem ser continuadas e permanentes", alerta o secretário.

Já ministro da Saúde, Alexandre Padilha, atribui a tendência de queda a diversos fatores, como a organização da rede pública e uma maior conscientização da população na adoção hábitos de prevenção.

LIRAa

O LIRAa deste ano revela que 77 municípios brasileiros estão em situação de risco para a dengue (entre as capitais, apenas Porto Velho); 375 em situação de alerta e 787 foram considerados satisfatórios. A pesquisa, que traça um panorama para identificar onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito transmissor da dengue, foi realizado em 1.239 municípios, o que representa um acréscimo de 31% com relação aos participantes de 2011. No ano passado, 800 municípios realizaram o LIRAa.

Dos municípios em situação de risco no estudo deste ano, 58 realizaram o LIRAa pela primeira vez e 10 mantém a situação de risco, a exemplo de 2011. No ano passado, dos 800 municípios pesquisados, 48 foram identificados em situação de risco, 338 em alerta e 414 com índice satisfatório.

Veja a relação completa do Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti 2012.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
dengue    Aedes aegypti    Ministério da Saúde    LIRAa    Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti    Alexandre Padilha   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.