Geral
publicado em 20/11/2012 às 19h50:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: UN Photo/Albert Gonzalez Farran
Bebê sendo examinado em Darfur, na África. Aumento da população infantil no continente deve ser três vezes superior ao registrado na década de 50.
  « Anterior
Próxima »  
Bebê sendo examinado em Darfur, na África. Aumento da população infantil no continente deve ser três vezes superior ao registrado na década de 50.

O Fundo da ONU para a Infância e Juventude (Unicef) estima que o aumento de crianças na população mundial atinja cerca de 4% até 2025. A áfrica terá um em cada três nascimentos, uma das maiores dos países do Hemisfério Sul. Ainda segundo a agência, 30% dos nascimentos no mundo serão registrados em países africanos.

Os dados foram divulgados, nesta terça-feira (20), para marcar o Dia Universal da Criança. O aumento da população infantil no continente Africano deve ser três vezes superior ao registrado na década de 50.

Para o Unicef, o mais importante é entender as tendências demográficas para as crianças do século 21. De acordo com o estudo da agência da ONU, quase uma em cada três crianças com menos de 18 anos será africana.

A pesquisa do Unicef concluiu que os Estados Unidos é o único país de renda alta que deve registrar um aumento no número de menores até 2025.

Região Subsaaariana

Ainda segundo informou o Unicef, mesmo assim, as mortes de crianças menores de cinco anos continuarão a ocorrer na região subsaariana. O órgão alerta que as mudanças demográficas relativas às crianças poderão representar um desafio aos formadores de políticas públicas nas décadas seguintes ao prazo de cumprimento das Metas do Milênio, marcado para 2015.

Dia Universal das Crianças

O Dia Universal das Crianças foi lançado pela Assembleia Geral em 1954. O objetivo da data é chamar a atenção para o bem-estar de crianças em todo o mundo. Neste dia, também foi adotada a Convenção sobre os Direitos da Criança, em 1989.

China e Índia lideram ranking

Danzhen You, um dos autores do estudo, disse que é preciso garantir os direitos das crianças. Ele lembrou que por não poderem votar, os menores não são ouvidos, em muitos casos, por governos que tomam decisões sobre financiamentos, por exemplo.

Na lista de países com o maior número de população infantil, China e Índia deverão concentrar a maior parte do grupo. Já a Nigéria terá o maior crescimento na faixa abaixo dos 18 anos.

Com informações da ONU

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
nascimento    natalidade    neonatologia    Fundo da ONU para a Infância e Juventude    Unicef    Dia Universal da Criança   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.