Ciência e Tecnologia
publicado em 18/11/2012 às 10h30:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Cientistas da Northwestern University, nos EUA, desenvolveram um cateter médico multipropósito que pode monitorar as funções cardíacas e realizar correções no tecido do coração simultaneamente durante a cirurgia.

O dispositivo, testado pela primeira vez no processo cirúrgico de ablação cardíaca pode levar a cirurgias mais simples para arritmia e outras doenças do coração.

Ablação cardíaca é uma técnica cirúrgica que corrige irregularidades do ritmo cardíaco, destruindo o tecido cardíaco específico que desencadeia batimentos cardíacos irregulares.

O procedimento é geralmente realizado tanto com cirurgia de coração aberto ou através da inserção de uma série de cateteres flexíveis através de uma veia na virilha do paciente e no coração.

Atualmente, este método de cateter exige a utilização de três dispositivos diferentes, os quais são inseridos no coração, em sucessão: um para mapear os sinais do coração e detectar a área do problema; um segundo para controlar as posições dos atuadores terapêuticos e o seu contato com o epicárdio; e um terceiro para queimar o tecido de distância.

"Nosso cateter substitui todos os três dispositivos anteriormente necessários para a terapia de ablação cardíaca, tornando a cirurgia mais rápida, mais simples e com menor risco de complicação", afirma o líder da pesquisa Yonggang Huang.

No interior do dispositivo existe uma camada fina de eletrônicos flexíveis. O exterior do cateter protege os componentes eletrônicos durante a viagem através da corrente sanguínea, uma vez no interior do coração, o cateter é inflado como um balão, expondo os componentes eletrônicos a uma maior área de superfície.

Quando o cateter está no lugar, os dispositivos individuais podem executar suas tarefas específicas. Um sensor de pressão determina a pressão sobre o coração e outro sensor monitora a condição do coração durante o processo, e um sensor de temperatura controla a temperatura de modo a não danificar o tecido circundante.

Estes dispositivos podem oferecer dados de alta qualidade, tais como força mecânica, o fluxo de sangue e temperatura para o cirurgião, em tempo real, e o sistema foi concebido para funcionar de forma estável, sem qualquer alteração nas propriedades conforme o balão infla e desinfla.
A pesquisa foi publicada na revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Cateter médico multifuncional    cirurgia cardíaca    ablação cardíaca    Northwestern University    Yonggang Huang   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.