Saúde Pública
publicado em 29/10/2012 às 15h40:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

O Institute for Healthcare Informatics (IMS) identificou seis medidas que podem ser aplicadas para melhorar a utilização de medicamentos e capacitar agentes públicos e privados diminuindo o gasto com saúde pública em US$ 500 bilhões/ano (cerca de 8% das despesas globais). As medidas são detalhadas no estudo Advancing the Responsible Use of Medicines: Applying Levers for Change.

O estudo define o uso responsável de medicamentos, além dos demais elementos que compõe um sistema de saúde, incluindo profissionais e pacientes para assegurar que os indivíduos recebem os medicamentos certos, no momento correto, e os usem de forma adequada.

O relatório do IMS constatou que as políticas de uso de medicamentos são realizadas de forma isolada das demais iniciativas de saúde. Tal abordagem não considera o impacto significativo que a otimização na utilização dos medicamentos pode ter sobre a despesa global do sistema.

As medidas abaixo são indicadas para possibilitar o uso racional dos medicamentos:

Aumentar a adesão ao tratamento abordando as crenças e comportamentos do paciente no momento da prescrição e durante a ingestão de medicamentos;

Assegurar o acesso rápido ao sistema de saúde, o que impediria o agravamento do quadro geral do paciente, aumento o custo do tratamento.

Otimizar o uso de antibióticos minimizando a onda mundial de resistência a antimicrobianos devido ao abuso destes medicamentos;

Evitar erros durante todo processo de atendimento, desde a prescrição à administração.

Indicação de medicamentos genéricos, quando disponíveis;

Gerenciar o uso simultâneo dos medicamentos, particularmente entre os idosos, minimizando os riscos de complicações dispendiosas e eventos adversos.

"Como o nosso estudo deixa claro, os medicamentos e as políticas e práticas que regem o seu uso são uma peça essencial mas pouco apreciada do grande quebra-cabeça global da saúde"
A dificuldade de adesão do paciente ao tratamento é o principal problema encontrado, ocasionando um desperdício de US$ 269 bilhões entre os 500 bilhões anuais de gastos evitáveis. Este fator é parte integrante de um dos dois pontos críticos apontados no relatório, que é o engajamento de todas as partes envolvidas e o uso da informação. Os profissionais que prescrevem as receitas, aqueles que entregam os medicamentos, a indústria farmacêutica e os pacientes devem trabalhar de forma contínua e alinhada. Todo este procedimento deve ser acompanhado de uma cadeia de informação que vai definir prioridades, acompanhar o progresso e mudança de comportamento.

"Como o nosso estudo deixa claro, os medicamentos e as políticas e práticas que regem o seu uso são uma peça essencial mas pouco apreciada do grande quebra-cabeça global da saúde," disse Murray Aitken, diretor executivo do IMS. "Precisamos aproveitar todas as informações disponíveis para definir prioridades, monitorar o progresso e mudanças comportamentais entre as partes interessadas, incluindo formuladores de políticas de saúde, os responsáveis pela manutenção dos sistemas, médicos, enfermeiros, farmacêuticos e pacientes. Ao enquadrar os desafios e possíveis soluções, queremos provocar a percepção de que mudanças são possíveis e que essas medidas podem gerar benefícios econômicos, bem como melhorias para a saúde.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
despesas de saúde    seis medidas críticas    gastos com saúde pública    gastos com medicamentos    IMS    Instituto de Informática em Saúde    Murray Aitken   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.