Geral
publicado em 09/10/2012 às 14h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Cientistas da Yonsei University, na Coréia, desenvolveram um anticorpo que pode ser ativado por um campo magnético para levar as células do câncer ao suicídio, ou apoptose.

Ensaios clínicos mostraram que a técnica funciona de forma eficaz em células cancerosas intestinais e peixes vivos de laboratório e pode ser uma nova arma contra a doença.

A morte celular programada, ou apoptose, é uma das estratégias do corpo para se livrar de células defeituosas, velhas ou infectadas.

Em resposta a certos sinais, as células condenadas encolhem e quebram em fragmentos. Estes são então tragados e consumidos por células do sistema imunológico.

No entanto, no câncer, este processo de morte celular muitas vezes falha, então as células podem se dividir descontroladamente.

A nova terapia magnética envolve a criação de pequenas nanopartículas de ferro ligadas a anticorpos, que são produzidos pelo sistema imune do corpo, quando se detecta substâncias nocivas.

Estas nanopartículas de ferro, em seguida, se ligam às moléculas em células tumorais.

Quando o campo magnético é aplicado, as moléculas se agrupam, automaticamente provocando o "sinal de morte".

O processo aumenta a esperança de novos tratamentos específicos que podem matar células de tumores resistentes ao processo habitual de morte celular.

Na pesquisa sul-coreana, as células cancerosas intestinais foram expostas às nanopartículas e colocadas entre dois imãs.

As células foram projetadas para ficar verde-fluorescente quando a apoptose estava ocorrendo.

Os resultados mostraram que mais da metade das células expostas foram destruídas pela ativação magnética, enquanto nenhuma das células não tratadas foi afetada.

Em outro experimento, apoptose magneticamente induzida em peixes zebra levou as criaturas a crescerem caudas anormais.

Segundo Henry Scowcroft, do Cancer Research UK, esta é uma pesquisa fascinante, mas extremamente preliminar. "Há um longo caminho a percorrer antes que a técnica esteja pronta para ser testada em seres humanos", afirma Scowcroft.

A pesquisa foi publicada na revista Nature Materials.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Câncer    Campo magnético    Anticorpos    Apoptose    Yonsei University    Cancer Research UK    Henry Scowcroft   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Câncer    campo magnético    anticorpos    apoptose    Yonsei University    Cancer Research UK    Henry Scowcroft   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.