Geral
publicado em 05/10/2012 às 20h31:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Salvador Scofano/SECOM RJ
Foto: Salvador Scofano/SECOM RJ
Hemorio e Secretária de Saúde pretendem realizar novas campanhas, a fim de fidelizar doadores e aumentar os estoques. Doador no Hemorio.
  « Anterior
Próxima »  
Hemorio e Secretária de Saúde pretendem realizar novas campanhas, a fim de fidelizar doadores e aumentar os estoques.
Doador no Hemorio.

Os grandes eventos internacionais que o Rio receberá estão motivando a Secretaria de Saúde a pensar em campanhas e estratégias de fidelização para doadores de sangue, a fim de garantir que os estoques sejam suficientes, durante eventos como a Copa das Confederações e a Jornada Mundial da Juventude, em 2013, além da Copa de 2014 e dos Jogos Olímpicos, em 2015.

A ideia é tornar a doação um hábito cultural, ampliando os estoques não só em datas especiais, mas para suprir as necessidades diárias do estado. Prova da demanda crescente por sangue é que, para atender às 180 unidades hospitalares do estado, o Hemorio precisaria encher de 300 a 400 bolsas de sangue por dia, o que iria requerer 500 doadores diários. No momento, porém, a instituição conta com, no máximo, 300 doadores em cada dia de semana, número que cai para 200 aos sábados e 100 aos domingos.

"Não estamos conseguindo atender à demanda da rede de hospitais. É importante que as pessoas entendam que a necessidade de sangue é diária. Não é uma questão de solidariedade, mas de responsabilidade social", disse Naura Faria, chefe do Serviço de Atendimento ao Doador do Hemorio, alertando que o fato de os doadores cadastrados não fazerem as doações com regularidade é o que dificulta a manutenção dos estoques.

Segundo a subsecretária de Vigilância em Saúde, Hellen Miyamoto, a Secretaria está promovendo reuniões para definir as melhores táticas de atração de doadores. Uma das ideias é adquirir pelo menos mais duas unidades móveis de coleta atualmente, o Hemorio tem uma, que sai cinco vezes por semana. A outra medida é obter uma consultoria do médico britânico Keith Grimmett, chefe de equipe da London Ambulance Service, que ficou responsável pelos serviços de fornecimento de sangue durante as Olimpíadas de Londres. O médico virá ao Rio em novembro, especialmente para passar sua experiência à equipe da Secretaria de Saúde.

"Além disso, vamos investir em tecnologia para modernizar o processamento do sangue e atender aos requisitos do Comitê Olímpico Internacional (COI) em relação à qualidade do sangue. O órgão estabelece critérios para processos como fracionamento de plasma, de hemácias e dupla filtragem, a fim de minimizar os riscos de reações adversas decorrentes do uso de sangue na população de outros países"disse Miyamoto.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, para que os estoques sejam mantidos, cada país ou estado precisa que pelo menos 3% da população doe sangue. No Estado do Rio, este percentual ainda é de 1,8%.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
doação de sangue    Rio de Janeiro    Copa das Confederações    Jornada Mundial da Juventude    Copa de 2014    Jogos Olímpicos   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.