Geral
publicado em 05/10/2012 às 18h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Virginia Tech
Maryam Kamali (sentada) e Igor Sharakhov, envolvidos no estudo
  « Anterior
Próxima »  
Maryam Kamali (sentada) e Igor Sharakhov, envolvidos no estudo

Cientistas da Virginia Tech University, nos EUA, descobriram que a evolução genética de uma espécie de mosquito africano com uma capacidade mortal para transmitir a malária pode ajudar no controle da doença.

A pesquisa sugere que a capacidade do mosquito Anopheles gambiae de transmitir a malária a humanos múltiplas vezes, que se originou de sua evolução recente, pode permitir aos investigadores detectar e atacar alterações genéticas específicas associadas com a transmissão de um parasita.

A malária causa cerca de 907 mil mortes a cada ano, principalmente entre crianças na África subsaariana. Mosquitos Anopheles, que picam principalmente entre o anoitecer e o amanhecer, transmitem a malária a humanos, espalhando plasmódios que se multiplicam no fígado humano e infectam as células vermelhas do sangue. No entanto, das mais de 400 espécies de mosquito pertencentes ao gênero Anopheles, apenas cerca de 20 são vetores eficazes para a malária humana, de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS).

A mais perigosa delas é a espécie Anopheles gambiae, uma das sete no complexo Anopheles gambiae, que se pensava ter evoluído recentemente a capacidade de transmitir a malária.

Agora, os cientistas descobriram que esta espécie é geneticamente ligada a uma linhagem ancestral do mosquito.

Os cientistas usaram a análise cromossômica para comparar arranjos de genes para os mosquitos dentro e fora da família Anopheles gambiae a fim de traçar as conexões evolutivas.

"As espécies de fora da família serviram como grupo de referência para a compreensão da relação evolutiva entre os mosquitos Anopheles gambiae. Nosso objetivo era determinar como diferentes espécies surgiram no complexo Anopheles gambiae, como todos elas parecem idênticas, mas têm comportamentos e capacidades diferentes para transmitir a malária humana", afirma a pesquisadora Maryam Kamali.

Quando solucionaram a história evolutiva do Anopheles gambiae, os cientistas identificaram quebras no DNA que conduzem a novos mecanismos cromossômicos, e usaram estes rearranjos para demonstrar a evolução da capacidade de transmissão múltipla de um parasita.

"Essa flexibilidade curiosa poderia nos ajudar a compreender melhor a natureza da capacidade do mosquito de transmitir a malária, e põe em causa o que está impulsionando a flexibilidade genética", observa Sharakhov.

Segundo os pesquisadores, a descoberta é inovadora no campo da pesquisa genética.

"O aspecto surpreendente do papel é a proposta de um polimorfismo ancestral e relativamente antigo que surgiu em um ancestral hipotético e foi mantido no Anopheles gambiae desde então. Se confirmado, a pesquisa poderia certamente dar uma nova visão sobre a transmissão da malária", concluem os pesquisadores.

A pesquisa foi relatada na revista PLoS Pathogens.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Malária    Evolução genética    Mosquito africano    Igor Sharakhov    Virginia Tech University   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Malária    evolução genética    mosquito africano    Igor Sharakhov    Virginia Tech University   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.