Artigo
publicado em 04/09/2012 às 14h27:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: DOC Press
Frederico Carbone Filho, diretor médico do Hospital Santa Isabel.
  « Anterior
Próxima »  
Frederico Carbone Filho, diretor médico do Hospital Santa Isabel.

As férias, ou um simples feriado prolongado, são motivos de muita alegria e empolgação e não deveriam ser diferentes. Planejamos esses momentos e buscamos não esquecer de nada do que levar em viagens aéreas como certas roupas, câmeras fotográficas, guias, entre tantos apetrechos. Mas, na maioria das vezes, deixamos de lado à saúde.

O número de viagens aéreas tem aumentado significativamente no país nos últimos anos. A elevação do poder aquisitivo do brasileiro permitiu que uma nova classe social passasse a viajar de avião e fez crescer o fluxo de pessoas nos terminais dos aeroportos. A Medicina está acompanhando de perto essas transformações e precisamos estar preparados para atender casos relacionados ao tema, que têm crescido na mesma proporção. A Sociedade Brasileira de Medicina Aeroespacial estuda o assunto e orienta os médicos nas novidades que surgem, para que possamos atender da melhor forma às dúvidas de nossos pacientes.

Viajar de avião não traz qualquer risco à saúde, mas alguns cuidados devem ser tomados, principalmente, por aqueles que possuem algum histórico de doenças. Antes de viajar as pessoas devem estar atentas a qualquer problema. Sempre procurar um especialista quando as viagens forem mais longas e a saúde não estiver 100%. Jamais tomar qualquer medicamento sem orientação médica, principalmente antes do embarque.

Para quem tem problemas cardiovasculares, por exemplo, é importante viajar com roupas leves, usar meias elásticas, mudar constantemente de posição no assento, fazer pequenos exercícios para o tornozelo, beber líquidos durante o voo, evitar o álcool, café e uso de remédios para dormir. A medicação de uso continuo deve ser tomada normalmente e nos horários, como se a pessoa estivesse em solo. É evidente que uma consulta prévia com o seu médico pode sanar qualquer dúvida ou especificidade.

Em linhas gerais, os principais problemas de saúde em viagens aéreas estão relacionados ao enjoo e ao Jet Leg. As pessoas mais susceptíveis aos enjoos são aquelas que ficam indispostas também quando andam de ônibus, carro ou navio. O ideal é evitar a ingestão excessiva de líquidos, comida gordurosas, condimentos e refrigerantes.

O Jet Leg é uma alteração provocada no organismo devido às diferenças de fuso horário e pode trazer cansaço, sonolência, dificuldade para dormir, irritabilidade e incompatibilidade entre a fome e os horários das refeições. Os efeitos serão amenizados se os passageiros evitarem também a cafeína e as bebidas alcoólicas. Lembre-se que muitos refrigerantes possuem boas doses de cafeína. Prefira ingerir água e sucos de fruta, que hidratam da mesma forma e são mais saudáveis.

Com pequenoscuidados antes do embarque, a viagem será um passeio prazeroso.

Fonte:
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
medicina aeroespacial    Sociedade Brasileira de Medicina Aeroespacial    Frederico Carbone Filho   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.