Geral
publicado em 19/08/2012 às 15h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Pesquisa realizada no Reino Unido revela que um terço das pessoas não reconhece os sintomas do câncer de pele.

O estudo mostra ainda que 49% dos participantes analisados acreditam que seu risco de desenvolver a doença é baixo ou inexistente.

A equipe da Instituição de caridade Nuffield Health realizou a pesquisa com cerca de 2 mil pessoas no Reino Unido.

Segundo os pesquisadores, a falta de conhecimento sobre o perigo da exposição em excesso aos raios solares sugere que as pessoas estão colocando si mesmas e a família em risco de câncer de pele.

Eles acreditam que "estar familiarizado com o que está na sua pele torna possível notar quaisquer alterações pequenas e procurar tratamento precoce, se necessário."

Os resultados mostraram que metade das pessoas analisadas acredita que seu risco pessoal de câncer de pele é baixo ou inexistente.

Mais de um terço afirmaram não ser capazes de identificar os sintomas de câncer de pele, tais como novas verrugas, verrugas com coceira ou sangramento, ou pintas e sinais que mudam de cor e forma.

Apesar das advertências de que as queimaduras solares podem levar ao câncer de pele, um terço dos pesquisados relataram ser queimados pelos raios solares uma ou mais vezes por ano.

Quase um quarto dos pais com filhos em idade escolar dizem que o filho é queimado pelo sol ao menos uma vez por ano e 26% dos pais mais jovens com idades entre 16 e 34 anos afirmam que o filho sofre queimaduras solares pelo menos três vezes por ano.

"Há uma ingenuidade inerente entre as pessoas no Reino Unido sobre os riscos de câncer de pele porque vivemos em um clima com sol relativamente pouco e muita chuva, as pessoas acreditam que não estão em risco. Mas isso é uma mentira. O maior preditor de câncer de pele mais tarde na vida é queimadura solar quando você é jovem, aos 20 anos de idade e que aparecem aos 60 anos", afirma o cirurgião Paulo Banwell, no Hospital Nuffield em Brighton.

Segundo os pesquisadores, a verificação da pele por um médico é indolor e rápida e deve fazer parte da rotina de quem passa muito tempo fora. Estar familiarizado com o que está na sua pele significa que você vai notar quaisquer alterações pequenas e procurar tratamento precoce.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Câncer de pele    Melanoma    Radiação UV    Nuffield Health    Paulo Banwell   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Câncer de pele    melanoma    radiação UV    Nuffield Health    Paulo Banwell   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.