Geral
publicado em 19/08/2012 às 14h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Evan Cantwell/George Mason University
Foto: Sanjay Acharya/Wikipedia Commons
Aarthi Narayanan junto com estudante no Mason's National Center for Biodefense and Infectious Diseases Curcumina presente no açafrão é usada como tempero em determinados pratos
  « Anterior
Próxima »  
Aarthi Narayanan junto com estudante no Mason's National Center for Biodefense and Infectious Diseases
Curcumina presente no açafrão é usada como tempero em determinados pratos

Pesquisadores da George Mason University, nos Estados Unidos, descobriram que um composto encontrado no açafrão é eficaz no combate de infecções virais.

Ensaios clínicos mostraram que a curcumina é capaz de impedir o vírus que causa a Febre do Vale Rift de se multiplicar nas células infectadas.

A líder da pesquisa Aarthi Narayanan e seus colegas há muito tempo queriam explorar as propriedades do açafrão no combate a infecções, particularmente o componente chave, a curcumina.

"O açafrão muitas vezes não é levado a sério porque é um tempero. Mas descobrimos que ele é capaz de interferir na forma como o vírus assume o controle das células saudáveis, impedindo que infecções causadas por uma variedade de vírus se espalhem", afirma Narayanan.

A equipe estudou a ligação entre o vírus da febre do Vale Rift e como ele afeta o hospedeiro humano ou animal e identificou pistas sobre o funcionamento interno do corpo durante a infecção.

Os sintomas podem tornar difícil para uma pessoa se recuperar. O corpo geralmente começa com uma resposta inflamatória exagerada, pois não sabe por onde começar a livrar-se do vírus. Muitas vezes, o corpo vai além do que é necessário. E isso não é bom porque influencia um grupo de células em torno da infecção que não detectaram o vírus. Essa é uma maneira pela qual a doença se espalha através do corpo. E por isso é muito importante controlar o hospedeiro porque muitas vezes a forma como ele responde contribui para a doença", explica Narayanan.

A pesquisa sugere que a curcumina é capaz de influenciar a forma como o vírus assume o controle das células saudáveis, impedindo que infecções causadas por uma variedade de vírus se espalhem e controlando a resposta do hospedeiro à infecção.

Segundo Narayanan, a curcumina pode ser parte de terapias medicamentosas que auxiliam no combate a vários tipos de infecções virais, entre elas a febre do Vale Rift. "Eu sei que isso funciona porque já vi isso acontecer na vida real. Como o tempero todos os dias e isso já ajudou a combater infecções de garganta causadas por vírus no meu filho", afirma a pesquisadora.

A equipe afirma que há mais trabalho a se fazer antes que drogas a base de curcumina sejam colocadas na prática clínica. Eles planejam testar 10 versões diferentes do composto para determinar qual delas funciona melhor e pretendem aplicar a pesquisa para outros vírus, incluindo o HIV.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Açafrão    Curcumina    Infecções virais    Febre do vale Rift    George Mason University    Aarthi Narayanan   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Açafrão    curcumina    infecções virais    febre do vale Rift    George Mason University    Aarthi Narayanan   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.