Geral
publicado em 16/08/2012 às 10h49:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Ilustração: Stock Photo
Sistema glymphatic atua de forma semelhante ao sistema linfático e drena detritos rapidamente do cérebro
  « Anterior
Próxima »  
Sistema glymphatic atua de forma semelhante ao sistema linfático e drena detritos rapidamente do cérebro

Cientistas da Universidade de Rochester, nos EUA, identificaram um sistema capaz de limpar o cérebro a um ritmo muito rápido.

A pesquisa sugere que o cérebro limpa a si mesmo de uma maneira mais organizada e em escala muito maior do que se pensava anteriormente.

A descoberta tem implicações para condições como traumatismo crânio-encefálico, Alzheimer, derrame e Parkinson.

Segundo os pesquisadores, o sistema, que recebeu o nome de glymphatic, já que atua como o sistema linfático, mas é gerido por células cerebrais conhecidas como gliais, funciona como uma série de tubos que age diretamente nos vasos sanguíneos do cérebro para drenar a "sujeira".

Eles explicam que um tipo de neurônio chamado astrócito cria uma rede fora das artérias e veias e são essas células que movem o líquido cefalorraquidiano para fora do órgão.

"A eliminação de resíduos é de central importância para cada órgão, e se questiona há muito tempo sobre como o cérebro se livra de seu 'lixo'. Descobrimos que isso ocorre de uma forma mais rápida do que pensávamos", afirma a pesquisadora Maiken Nedergaard.

Pesquisas anteriores já haviam mostrado que o fluido cerebrospinal (ou líquido cefalorraquidiano) tem papel importante na limpeza do tecido cerebral, pois leva embora a "sujeira" do órgão e carrega nutrientes para ele. O novo sistema faz esse líquido circular em todo o cérebro de maneira eficiente, através da convecção.

"É como se o cérebro tivesse dois caminhões de lixo, um lento do qual nós já sabíamos, e um rápido que acabamos de conhecer", observa Nedergaard.

Enquanto o sistema anteriormente conhecido trabalhava em um fluxo, o novo funciona sob pressão para movimentar grandes volumes do fluido cerebrospinal pelo órgão todo o dia e carregar grandes volumes de "lixo".

URMCPR
Sistema Glymphatic

A descoberta do novo sistema só foi possível graças a uma tecnologia que permite avaliar o fluxo de detritos em um animal vivo.

Utilizando modelos de ratos, os pesquisadores aplicaram uma técnica conhecida como microscopia de dois fótons, que permite visualizar o fluxo de fluidos nos animais. "Esse é um sistema hidráulico. Quando abrimos o cérebro quebramos as conexões e ele não pode ser estudado. Nós temos sorte de ter a tecnologia que nos permite observar o sistema intacto, para vê-lo em operação", afirma Nedergaard.

A equipe ressalta que o sistema recém-descoberto é responsável por mais da metade da remoção da proteína beta-amiloide do cérebro. "Essencialmente, em todas as doenças neurodegenerativas, inclusive Alzheimer, essas proteínas se acumulam e eventualmente sufocam e matam redes de neurônios. Se o sistema 'glymphatic' falha na limpeza do cérebro, isso pode significar que, a sujeira começa a acumular no órgão. Pode ser isso que acontece com os depósitos amiloides do mal de Alzheimer", sugerem os autores.

"Esperamos que essas descobertas tenham influência em muitas condições que envolvem o cérebro, como lesão cerebral traumática, mal de Alzheimer, derrame e mal de Parkinson", conclui Nedergaard.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Sistema glymphatic    limpeza do cérebro    Universidade de Rochester    Maiken Nedergaard   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.