Geral
publicado em 07/08/2012 às 11h59:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Homens que praticam musculação regularmente têm até 34% menos risco de diabetes tipo 2, de acordo com estudo realizado por pesquisadores da Harvard School of Public Health, nos Estados Unidos.

A pesquisa mostra ainda que a combinação de musculação e exercícios aeróbicos, como caminhada rápida ou corrida, pode diminuir ainda mais o risco da doença, em até 59%.

Segundo os pesquisadores, este é o primeiro estudo a examinar o papel da musculação na prevenção do diabetes do tipo 2. Os resultados sugerem que, como a atividade pode ser uma alternativa valiosa para as pessoas que têm dificuldade com exercícios aeróbicos.

"Até agora, pesquisas têm relatado que o exercício aeróbico é de grande importância para a prevenção do diabetes tipo 2. Mas muitas pessoas têm dificuldade em aderir a esse tipo de atividade. Os novos resultados sugerem que a musculação pode servir como alternativa para prevenção do diabetes tipo 2", observa o autor da pesquisa Anders Grøntved.

Grøntved e o autor sênior Frank Hu seguiram 32,002 homens entre 1990 e 2008 e recolheram dados sobre quanto tempo os homens passaram a cada semana em treinamento com pesos e exercícios aeróbicos a partir de questionários preenchidos a cada dois anos.

Os resultados mostraram que mesmo uma pequena quantidade de musculação pode ajudar a reduzir o risco de diabetes tipo 2. Os pesquisadores classificaram os homens de acordo com o quanto eles fizeram musculação por semana entre 1 e 59 minutos; entre 60 e 149 minutos; e pelo menos 150 minutos e constataram que o treinamento reduziu o risco de diabetes tipo 2 em 12%, 25 % e 34%, respectivamente, em comparação com nenhum treinamento com peso.

A pesquisa mostrou ainda que a prática conjunta da musculação com exercício aeróbico reduziu o risco da doença em 7%, 31% e 52%, respectivamente, para as três categorias acima.

De acordo com Grøntved, são necessárias mais pesquisas para confirmar os resultados do estudo, bem como para analisar se os dados podem ou não ser generalizados para as mulheres.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Musculação    diabetes    diabetes tipo 2    exercícios aeróbicos    Harvard School of Public Health    Anders Grøntved   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.