Saúde Pública
publicado em 01/08/2012 às 13h42:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Paulistas portadores de doenças crônicas estão sendo convocados pela Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo para tomarem a vacina contra a gripe. Segundo informou a secretaria, a medida tem como objetivo ampliar a cobertura de imunização contra o vírus da influenza no estado, uma vez que a população que possui algum tipo de doença crônica está mais suscetível a desenvolver casos mais graves da gripe, como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Este ano o estado notificou 212 casos de H1N1 relacionados a SRAG, com 45 mortes.

Além de imunizar a população contra o vírus da gripe influenza A H1N1, tipo que se disseminou pelo mundo na pandemia de 2009, a vacina também irá proteger a população contra outros dois tipos do vírus influenza sazonal: A H3N2 e B.

A vacina é disponibilizada gratuitamente nos postos de saúde para pacientes que apresentam diagnóstico de doenças crônicas pré-existentes como cardiopatias, pneumopatias, hepatopatias, nefropatias e diabetes, além de pacientes classificados como imunodeprimidos, ou seja, que possuem o sistema imunológico debilitado devido à existência de doenças como câncer, HIV/Aids, imunodeficiências congênitas ou pelo fato de terem se submetido a algum tipo de transplantes de órgãos ou de medula. A imunização contra a gripe também é recomendada para pacientes com doenças neurológicas incapacitantes e obesos.

Para receber a dose da vacina contra a gripe, o portador de doença crônica deve comparecer a um dos postos de vacinação e apresentar um documento que comprove o diagnóstico da doença, como uma receita ou laudo médico. Até o momento foram aplicadas no Estado 632 mil doses em pessoas com doenças crônicas.

Casos no estado

Segundo levantamento da Secretaria, os casos graves confirmados para influenza A H1N1 apresentaram queda de 38% em julho, na comparação com o mês anterior. No último mês houve 61 casos graves da doença registrados no estado, contra 98 em junho.

Para os outros vírus circulantes no estado, foram registrados outros 102 casos graves para influenza A (H3N2) sazonal e três casos para influenza B sazonal. Ao todo 11 mortes foram registrados pelos dois outros vírus.

O levantamento também aponta que 69% dos casos graves confirmados para influenza A H1N1 que evoluíram a óbito, registrados desde o início de 2012, foram de pacientes que apresentavam alguma comorbidade ou fator de risco, sendo 17,4% com hipertensão, 17,4% doença metabólica, 10,9% obesidade, 13% tabagismo, 8,7% cardiopatia, 10,9% pneumopatia, 4,3% etilismo, 4,3% doenças renais, 2,2% imunodepressão e 2,2% gestantes. Em alguns casos, um mesmo paciente pode ter apresentado mais de um fator de risco ou comorbidade.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Gripe    H1N1    Doentes crônicos    São Paulo    índrome Respiratória Aguda Grave    SRAG   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
gripe    H1N1    doentes crônicos    São Paulo    índrome Respiratória Aguda Grave    SRAG   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.