Geral
publicado em 02/07/2012 às 18h24:00
   Dê o seu voto:

Resultado de estudo desenvolvido em Campinas mostra que o alimento pode servir ainda para tratamento hormonal em mulheres

 
tamanho da letra
A-
A+

A isoflavona, ácido fenólico que pode prevenir doenças coronárias e crônicas, além de ser usada na reposição hormonal pelas mulheres, pode ser encontrada no feijão. A informação é do Instituto Agronômico (IAC) de Campinas, que divulgou o resultado de um estudo inédito, feito em parceria com a Universidade de São Paulo (USP), que comprovou haver no grão do tipo IAC Formoso, o equivalente a 10% do teor encontrado na soja, principal fonte da substância.

Até então, artigos internacionais sugeriam que a quantidade de isoflavona no feijão era inexpressiva. O material do IAC tem maior concentração do ácido e ainda 20% a mais de proteína quando comparado com as outras variedades de feijão. A descoberta é o primeiro passo e pode resultar em maior valor agregado ao feijão, além de servir de base para outros estudos de enriquecimento dos alimentos.

O principal alimento fonte de isoflavona é a soja. A leguminosa, porém, não é tão consumida pelos brasileiros como o feijão. " A quantidade encontrada na cultivar de feijoeiro Pérola, que é padrão no mercado, foi de 0,8 mg/grama de isoflavona, enquanto no IAC Formoso, foi de 8,92 mg/grama. Este teor é alto, pois o brasileiro come feijão e não soja" , afirma Alisson Fernando Chiorato, pesquisador do IAC, da Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo.

De acordo com Chiorato, a explicação da presença da isoflavona no feijão pode estar na resistência ao caruncho e também ao fungo de solo, chamado Fusarium oxysporum. " Ainda precisamos estudar mais esses resultados, mas observamos quantidade elevada de isoflavona no feijão preto e em fontes relatadas como resistentes ao caruncho e ao fungo do solo. Possivelmente, quando trabalhamos nossas variedades para resistência a doenças, podemos aumentar a quantidade de isoflavona indiretamente" , afirma. No Brasil, são consumidos em média 16 kg de feijão por habitante ao ano.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Feijão    Isoflavona    Instituto Agronômico    Reposição hormonal    Doenças coronárias   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Feijão    isoflavona    Instituto Agronômico    reposição hormonal    doenças coronárias   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.