Ciência e Tecnologia
publicado em 27/06/2012 às 17h49:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Marcello Casal Jr./ABr
Relatório da Save the Children revela que maioria dos casos de morte estão relacionados a jovens com poucos recursos e baixa escolaridade como caso da jovem C. de de 15 anos que espera primeiro filho
  « Anterior
Próxima »  
Relatório da Save the Children revela que maioria dos casos de morte estão relacionados a jovens com poucos recursos e baixa escolaridade como caso da jovem C. de de 15 anos que espera primeiro filho

A gravidez é a principal causa de morte entre adolescentes em todo o mundo. A afirmação é da organização Save the Children com sede na Grã-Bretanha.

Relatório "Every Woman's Right: How family planning saves children's lives" divulgado, nesta quarta-feira (27) pela entidade que defende dos direitos da infância afirma que gestações e partos causam a morte ou sérias lesões em um milhão de adolescentes no mundo a cada ano. As vítimas são na maioria dos casos jovens com poucos recursos, baixa escolaridade e residentes em países em desenvolvimento.

O documento ressalta que o problema é originado pela falta de acesso a métodos anticoncepcionais. Segundo o relatório, atualmente cerca de 222 milhões de mulheres no mundo que não querem engravidar não têm acesso à contracepção. Estima-se que em 2012 cerca de 80 milhões de gestações indesejadas ou inoportunas ocorrerá nos países em desenvolvimento.

A falta de planejamento em muitos países também figura entre as causas do problema. Muitas jovens entre 15 e 18 anos se casam e engravidam logo após o casamento, quando seus corpos ainda não estão nem preparados para dar à luz. Segundo a Save the Children, permitir acesso ao planejamento familiar a essas jovens pode salvar até 1,8 milhão de vidas por ano.

"Encorajamos as famílias a deixarem suas filhas terminarem a escola e atrasarem o casamento uma vez que a gravidez precoce pode ser uma sentença de morte", diz a CEO da Save the Children, Carolyn Miles.

Líderes internacionais se encontram em Londres no próximo mês para uma conferência sobre planejamento familiar promovido pelo governo britânico e pela Fundação Bill e Melinda Gates.

Relatório da Save de Children ainda destaca:

- Globalmente, uma em cada cinco meninas terão tido um filho com 18 anos de idade;

- mães jovens tendem a ser pobres, menos escolarizados e residentes em áreas rurais;

- probabilidade de uma jovem de 15 anos morrer devido a causas relacionadas à maternidade - 1 em 3.800 em países desenvolvido e 1 e 150 em países em desenvolvimento;

- cada US$ 1 gasto em planejamento familiar economiza pelo menos R$ 4, que seria usado para tratar complicações relacionadas à gravidez.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Gravidez    Gravidez Kills    um milhão de meninas    Gravidez mata um milhão de meninas por ano    adolescentes    Save the Children   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.