Geral
publicado em 26/06/2012 às 18h25:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Antoninho Perri/Unicamp
Professor Licio Velloso, orientador, e Marciane Milanski, autora da pesquisa.
  « Anterior
Próxima »  
Professor Licio Velloso, orientador, e Marciane Milanski, autora da pesquisa.

Pesquisa realizada na Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp demonstrou, pela primeira vez, a ligação entre a inflamação do hipotálamo e a resistência à insulina no fígado. A pesquisa "A inibição da inflamação hipotalâmica reverte a resistência à insulina no fígado induzida por dieta", desenvolvida pela nutricionista Marciane Milanski, foi publicada na revista Diabetes. Segundo o professor Licio Velloso, orientador da pesquisa, a descoberta abre uma nova frente de estudo para o tratamento do diabetes.

" O diabético passa um período de jejum dormindo e, ainda assim, ele acorda com a glicose alta. Décadas atrás, descobriram que o fígado produz glicose e o paciente com diabetes tem defeito nessa produção. Porém, detalhes a respeito deste processo ainda não são completamente esclarecidos" , disse Velloso.

A pesquisa mostrou que uma dieta rica em gordura saturada - presente na manteiga e nas carnes bovina e suína, por exemplo - leva a uma inflamação do hipotálamo.

O hipotálamo é um órgão localizado na base do cérebro. Ele controla a homeostase corporal, isto é, o ajuste do organismo às variações externas. O hipotálamo controla a temperatura, o balanço de água no corpo, a fome e o gasto energético corporal, entre outras funções. Ele também faz a integração entre os sistemas nervoso e endócrino, atuando na ativação de diversas glândulas produtoras de hormônios.

" Fomos identificar quais eram os mecanismos por meio dos quais as gorduras saturadas levavam à inflamação hipotalâmica. Existe uma relação muito íntima entre via inflamatória e vias metabólicas, que controlam a ingestão alimentar e gasto de energia. Distúrbios nessas vias metabólicas levam ao aumento ou diminuição de peso" , explica Marciane.

A descoberta coloca o eixo cérebro-fígado no controle do equilíbrio glicêmico. O hipotálamo passa a ser o ator principal desse mecanismo. O professor e também pesquisador Lício Velloso é otimista quanto à descoberta.

" O mecanismo descrito por essa pesquisa mostra que o controle da glicose alta no jejum é feito, pelo menos em parte, pelo hipotálamo. Isto reforça nossa suspeita de que o desenvolvimento de drogas com ação no sistema nervoso central deve ser interessante para o tratamento do diabetes" , comentou Velloso.

Com informações da Unicamp

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Diabetes    Insulina    Insulina    Inflamação no hipotálamo    Unicamp   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
diabetes    insulina    insulina    inflamação no hipotálamo    Unicamp   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.