Saúde Pública
publicado em 21/06/2012 às 19h18:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Até esta quinta-feira (21), 38 pessoas morreram na Região Sul do país devido as infecções provocadas pelo vírus da gripe A (H1N1). No total, ocorreram 28 mortes em Santa Catarina, cinco no Paraná e cinco no Rio Grande do Sul.

Em Santa Catarina já são 309 os casos de H1N1 confirmados por exames de laboratório; 64 no Paraná e 26 no Rio Grande do Sul. O inverno, que começou oficialmente na noite de ontem (20), facilita a circulação dos vários subtipos do vírus da gripe.

O Ministério da Saúde orienta os médicos a prescrever o medicamento antiviral oseltamivir, conhecido como Tamiflu, a todos os pacientes que apresentarem quadro de síndrome gripal, mesmo antes dos resultados de exames ou sinais de agravamento, conforme protoloco atualizado em 2011.

" Todos os que apresentarem síndrome gripal e que fazem parte dos grupos mais vulneráveis para complicações, como gestantes, crianças pequenas, idosos e portadores de doenças crônicas, devem iniciar o tratamento" , recomenda o diretor do Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis do ministério, Cláudio Maierovitch.

A Secretaria de Saúde do Paraná recomenda que os estabelecimentos onde há aglomeração de pessoas retomem o cuidado com a ventilação e a higiene, oferecendo, por exemplo, dispensadores de álcool em gel. O secretário Michele Caputo Neto informou, em entrevista coletiva, que o estado receberá do governo federal mais doses da vacina contra a gripe na próxima semana.

" Vamos definir nos próximos dias se ampliamos os grupos prioritários para receber a vacina, como, por exemplo, as crianças de até 5 anos matriculadas em creches públicas" , disse Caputo Neto. " O que vai salvar vidas é a identificação rápida dos sintomas e a medicação."

As cinco pessoas que morreram no Paraná tinham entre 20 e 49 anos de idade. Dois casos de mortes estão sob investigação no estado, e uma gestante que contraiu o vírus Influenza H1N1 está internada em estado grave. A secretaria preferiu não divulgar detalhes sobre a paciente, nem a cidade onde está internada. Revelou apenas que o estado da mulher, que deu à luz gêmeos, está melhorando.

Com informações da Agência Brasil

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   H1N1    Gripe A    Influenza    Região Sul    Santa Catarina   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
H1N1    Gripe A    influenza    Região Sul    Santa Catarina   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.