Ciência e Tecnologia
publicado em 03/06/2012 às 13h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: John Russell/Vanderbilt University
Arte: Charles Sanders and colleagues/Vanderbilt University
Charles Sanders (no centro), com os colegas Paul Barrett (esquerda) e Yuanli Song A estrutura da proteína C99 (mostrado em verde e azul), que participa no desencadeamento da doença de Alzheimer, revelou que ele se liga ao colesterol (mostrado em preto, branco e vermelho).
  « Anterior
Próxima »  
Charles Sanders (no centro), com os colegas Paul Barrett (esquerda) e Yuanli Song
A estrutura da proteína C99 (mostrado em verde e azul), que participa no desencadeamento da doença de Alzheimer, revelou que ele se liga ao colesterol (mostrado em preto, branco e vermelho).

A estrutura molecular de uma proteína envolvida na doença de Alzheimer, que está ligada ao colesterol, pode levar a novas terapias contra a doença. A descoberta é de pesquisadores da Universidade Vanderbilt, nos Estados Unidos.

Resultados foram publicados na revista Science.

A equipe de pesquisa descobriu que o colesterol produz uma proteína que destrói neurônios e é considerada a principal causa da doença de Alzheimer. A condição é uma das formas mais comuns de demência, que leva a alterações progressivas da memória, de julgamento e raciocínio intelectual.

"Há muito tempo que se pensa que, de alguma forma, o colesterol promove a doença de Alzheimer, mas os mecanismos não eram claros", diz o líder da pesquisa Charles Sanders.

À frente de sua equipe ele revelou à estrutura tridimensional de uma proteína que dá origem a outra chamada beta-amiloide, encontrada em exames feitos no cérebro de pacientes com Alzheimer. Ao mapearem sua estrutura, por meio de uma ressonância magnética com dimensão microscópica, os pesquisadores perceberam que o colesterol se ligava a uma parte dela.

Segundo Sanders, a análise microscópica da molécula, que mostrou ambas coladas uma na outra, pode fornecer provas de que o colesterol aumenta o risco de Alzheimer e desempenhar um papel decisivo na evolução do tratamento da doença.

Acesse aqui mais informações sobre o estudo.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Colesterol    Alzheimer    Proteínas    Estrutura de Alzheimer proteína    Novo tratamento      
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Colesterol    Alzheimer    proteínas    estrutura de Alzheimer proteína    novo tratamento       
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.