Ciência e Tecnologia
publicado em 20/04/2012 às 14h30:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Knappe/NIST
Sensor da NIST é do tamanho de um cubo de açúcar e pode medir a atividade do cérebro humano
  « Anterior
Próxima »  
Sensor da NIST é do tamanho de um cubo de açúcar e pode medir a atividade do cérebro humano

Cientistas do National Institute of Standards and Technology (NIST), nos Estados Unidos, desenvolveram um sensor magnético capaz de medir a atividade do cérebro humano.

O dispositivo tem potencial para aplicações biomédicas, tais como o estudo de processos mentais e para facilitar o entendimento de doenças neurológicas.

O sensor pode ser alimentado por baterias e poderá reduzir os custos de medições biomédicas não invasivas, como o monitoramento dos batimentos cardíacos fetais.

No novo trabalho, a equipe usou o sensor para medir as ondas alfa no cérebro associadas com o ato de uma pessoa abrir e fechar os olhos, bem como sinais resultantes da estimulação da mão.

As medições foram verificadas comparando os sinais gravados por um SQUID (dispositivo quântico supercondutor de interferência), considerado o "padrão ouro" para tais experimentos. O novo mini sensor é ligeiramente menos sensível, mas tem o potencial para um desempenho comparável ao oferecer vantagens em portabilidade, tamanho e custo.

Os resultados do estudo indicam o mini sensor pode ser útil na magnetoencefalografia (MEG), procedimento não invasivo que mede os campos magnéticos produzidos pela atividade elétrica no cérebro.

MEG é utilizada para a pesquisa básica sobre os processos perceptivos e cognitivos em indivíduos saudáveis, bem como triagem de percepção visual em recém-nascidos e mapeamento da atividade cerebral antes da cirurgia para remover tumores ou tratar a epilepsia.

"Estamos nos concentrando em criar sensores pequenos e de baixo custo. Ao desenvolver um sistema barato, podemos permitir que cada hospital tenha vários dispositivos para verificar a presença de lesões cerebrais traumáticas nos pacientes", afirma o coautor da pesquisa Svenja Knappe.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Mini sensor magnético    atividade cerebral    processos mentais    batimentos cardíacos fetais    National Institute of Standards and Technology    Svenja Knappe   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.