Geral
publicado em 06/04/2012 às 11h40:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: SES/PR
Sezifredo Paz em seminário de capacitação de profissionais da saúde sobre agrotóxicos
  « Anterior
Próxima »  
Sezifredo Paz em seminário de capacitação de profissionais da saúde sobre agrotóxicos

O Paraná é o Estado que mais utiliza agrotóxicos no Brasil. Anualmente, são notificadas 320 ocorrências na área de saúde relacionadas ao uso destes produtos. A subnotificação ainda é um dos principais problemas encontrados pelos gestores durante o planejamento para evitar essas ocorrências. " Estima-se que para cada caso notificado, existam outros 50 que as autoridades sanitárias não têm conhecimento, o que dificulta o planejamento das ações" , explicou o superintendente de Vigilância em Saúde, Sezifredo Paz.

Para reverter esse quadro, a Secretaria está investindo no fortalecimento da rede de informações em saúde do trabalhador. " Estamos promovendo uma série de capacitações com profissionais que atuam diretamente com a população, seja na atenção primária ou na saúde do trabalhador. Além disso, o Estado também adotou um repasse de incentivos para os municípios, visando o fortalecimento dos sistemas de informação em saúde do trabalhador" , disse o diretor do Centro Estadual de Saúde do Trabalhador, José Lúcio dos Santos.

A programação desta semana teve início na segunda-feira (2) com uma oficina para validar o instrumento de avaliação das intoxicações por agrotóxicos que será levado às instâncias, como CIB e CES, com vistas na adoção de sua aplicação. Já na terça (3), mais de 900 pessoas participaram de uma webconferência que abordou o diagnóstico, tratamento e notificação dessas intoxicações.

Projeto de pesquisa

O Centro Estadual de Saúde do Trabalhador já realiza um projeto de pesquisa, em parceria com a Universidade Federal do Paraná, com o objetivo de investigar as principais formas de contaminações químicas e seus impactos na saúde de trabalhadores. O estudo foi iniciado em 2009 e conta com a assessoria da doutora Heloísa Pacheco, referência técnica na área de toxicologia. Mais recentemente a Universidade Tuiuti, de Curitiba, também passou a fazer parte deste projeto.

" O Sistema Único de Saúde e as Universidades devem trabalhar em conjunto. A pesquisa deve ser mais valorizada. No caso da Saúde do Trabalhador, essa integração possibilita a construção de estratégias efetivas de monitoramento, prevenção e terapêutica adequada para cada caso e cada região" , afirmou Heloísa.

O projeto analisou a situação dos trabalhadores de municípios das regionais de saúde de Cascavel e do município de Rio Azul, pertencente a regional de saúde de Irati. " O estudo é inovador e serve como ponto de partida para uma discussão nacional entorno da elaboração de um protocolo de avaliação das intoxicações crônicas por agrotóxicos" , explicou dos Santos.

Fonte: AGÊNCIA PARANÁ
   Palavras-chave:   Paraná    Curitiba    Agrotóxicos    Subnotificação    Trabalhador    Intoxicação   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Paraná    Curitiba    agrotóxicos    subnotificação    trabalhador    intoxicação   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.