Geral
publicado em 03/04/2012 às 13h10:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: University of Colorado
Professor Hang Hubert Yin (em primeiro plano), pesquisador envolvido no estudo
  « Anterior
Próxima »  
Professor Hang Hubert Yin (em primeiro plano), pesquisador envolvido no estudo

Pesquisadores da Universidade do Colorado, nos Estados Unidos, descobriram dois receptores de proteína localizados no sistema nervoso central que respondem à morfina e causam neuroinflamação indesejada.

A pesquisa tem implicações para melhorar a eficácia do analgésico amplamente utilizado, enquanto diminui o seu potencial viciante.

Os cientistas sabem que um receptor proteico em particular conhecido como toll-like receptor 4, ou TLR4, ajuda a ativar as vias de sinalização da inflamação para atacar substâncias estranhas como bactérias e vírus. O novo estudo mostrou que analgésicos opióides como a morfina também desencadeiam a neuroinflamação por meio da ativação de um receptor de proteína acessório conhecido como MD-2, que, em seguida, trabalha em conjunto com TLR4 para responder à morfina no sistema nervoso central.

As descobertas devem ajudar os pesquisadores a desenvolver novos medicamentos não só para aumentar a eficácia dos opiáceos médicos como a morfina, mas também para impedir a neuroinflamação e prevenir o abuso de drogas. Tais medicamentos podem ser projetados para diminuir efeitos colaterais como dependência não só em usuários de opiáceos, mas também em usuários de álcool, metanfetaminas e até mesmo cocaína.

"Enquanto a inflamação é parte do sistema de defesa natural do corpo para protegê-lo após lesão ou infecção, inflamação demais não é saudável. Esperamos que nossas descobertas sobre como esse complexo particular de proteína funciona possa nos ajudar a compreender a inflamação induzida por morfina e, eventualmente, levar a terapias para tornar o analgésico mais eficiente com menos efeitos colaterais", afirma o pesquisador Hang "Hubert" Yin.

MD-2 é um receptor encontrado em células imunes no sistema nervoso central conhecidas como células gliais e parece ser sobra de milhões de anos de evolução. Quando MD-2 se liga à morfina, as células da glia, que normalmente limpam detritos, ativam os neurônios que transmitem sinais de dor e dificultam a capacidade da morfina para suprimir a dor.

A ativação de células da glia por opiáceos e outras drogas parece amplificar as qualidades gratificantes de várias drogas viciantes, segundo a equipe de pesquisa.

Os pesquisadores usaram uma abordagem multidisciplinar para investigar o complexo de proteínas TLR4/MD-2 e identificar a relação entre MD-2 e morfina. Como parte do estudo eles utilizaram camundongos geneticamente modificados nos quais genes ou proteínas existentes foram inativados para demonstrar a função de TLR4 e sua relação com a morfina induzida pela analgesia.

"O interessante sobre este estudo é que descobrimos que não é apenas um receptor que detecta a morfina, há um segundo, que ninguém conhecia antes, ou seja, MD-2/TLR4. Nós mostramos que esse complexo de proteínas essencialmente corta o efeito da morfina, impedindo-a de fazer o seu trabalho no controle da dor", ressalta a pesquisadora Linda Watkins.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Morfina    Analgésico    Complexo de proteínas    Universidade do Colorado    Hang "Hubert" Yin   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Morfina    analgésico    complexo de proteínas    Universidade do Colorado    Hang "Hubert" Yin   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.