Saúde Pública
publicado em 16/03/2012 às 16h38:00
   Dê o seu voto:

Mais de 30% dos jovens de 13 a 15 anos experimentam cigarros com aditivos

Pesquisa revelou que quando questionados sobre o uso desse tipo de produto, eles afirmaram que consumiam por causa do sabor

 
tamanho da letra
A-
A+

Estudo da Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz, divulgado nesta semana, aponta que pelo menos um terço dos jovens de 13 a 15 anos já experimentou algum tipo de cigarro com sabor. A pesquisa foi feita com mais 17 mil estudantes em 13 capitais do Brasil, entre 2005 e 2009. Ao todo, 30,4% dos meninos e 36,5% das meninas entrevistadas informaram que já haviam experimentado cigarro alguma vez na vida. Desse grupo, 58,2% dos meninos e 52,9% das meninas informaram que preferem cigarro com sabor.

A pesquisa também mostra que o sabor é importante para 33,1% dos entrevistados. Dados do Instituto Nacional do Cancer (Inca) apontam que 45% dos fumantes de 13 a 15 anos consomem cigarros com sabor.

Cerca de 600 aditivos são utilizados na fabricação de cigarros e de outros produtos derivados do tabaco. O cigarro contém, em média, 10% da massa composta por aditivos.

Entre 2007 e 2010, o número de marcas de cigarros com sabor, cadastradas na Anvisa, cresceu de 21 para 40. Pesquisa realizada pelo Instituto DataFolha, em 2011, apontou que 75% dos entrevistados concordaram com a proibição de aditivos para diminuir a atratividade de produtos para fumar.

Segundo a pesquisadora Vera Luiza Costa e Silva, responsável pelo estudo, a pesquisa fortaleceu a decisão da Anvisa de realizar audiências públicas para discutir novos regulamentos para os produtos derivados do tabaco.

A pesquisadora advertiu que esses adolescentes que admitem fumar com mais frequência e experimentar durante um maior tempo tem mais propensão a serem nossos futuros fumantes. Outro dado relevante colocado por ela é a questão das mulheres, que aparecem em maior número nesses dados. Vera comentou que " as meninas estão fumando mais que suas avós! Por serem experimentadoras, muitas já estão se tornando consumidoras regulares em algumas capitais brasileiras. Isso mostra que os determinantes para iniciação entre as meninas são diferentes dos determinantes para os meninos, o que justifica políticas publicas focadas pela ótica de gênero. Isso será refletido no futuro, pois daqui a 20 ou 30 anos vamos ter que lidar com o aumento da mortalidade por doenças relacionadas ao tabaco na mulher se compararmos com o que existe hoje" , expôs a pesquisadora.

Veja mais informações sobre a pesquisa aqui.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Cigarro com sabor    Aditivos    Tabagismo    Jovens    Aromatizante    Fiocruz   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Mais de 30% dos jovens de 13 a 15 anos experimentam cigarros com aditivos
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Mais de 30% dos jovens de 13 a 15 anos experimentam cigarros com aditivos


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Cigarro com sabor    aditivos    tabagismo    jovens    aromatizante    Fiocruz   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.