Geral
publicado em 16/02/2012 às 13h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Reprodução: Western University
Reprodução: Western University
James White, cardiologista líder do projeto, explica o processo de estudo Procedimento de ressonância magnética cardiovascular (CMR) sendo feito durante o processo de estudo
  « Anterior
Próxima »  
James White, cardiologista líder do projeto, explica o processo de estudo
Procedimento de ressonância magnética cardiovascular (CMR) sendo feito durante o processo de estudo

A ressonância magnética cardiovascular (RMC) pode melhorar o diagnóstico de arritmia cardíaca perigosas em pacientes reanimados após morte súbita, de acordo com pesquisadores da Western University, no Canadá.

Os resultados, relatados na revista Circulation, revelam que a ferramenta de imagem permitiu a identificação de um diagnóstico cardíaco em 75% dos casos testados, em comparação com apenas 50% de todos os outros testes.

No geral, RMC identificou uma nova explicação ou alternativa para a arritmia em 50% dos pacientes.

"Nesses casos de morte súbita, há um medo de reincidência, por isso é importante identificar o que poderia estar na raiz do ritmo cardíaco", explicou o cardiologista e líder do estudo, James White.

WesternUniversity

Exames padrões de imagem cardíaca foram realizados em todos os pacientes, mas os pesquisadores também usaram a ressonância magnética para avaliar se eles poderiam encontrar uma resposta mais específica.

"O que encontramos foi interessante. Em três quartos dos pacientes que passaram pela ressonância magnética, fomos capazes de identificar uma razão plausível para a arritmia cardíaca. Quando olhamos para o teste convencional, essas causas foram detectadas em apenas metade dos pacientes. Isso fez uma diferença muito grande no diagnóstico destes pacientes", observa White.

White também encontrou, em cerca de 50% das vezes, um novo diagnóstico para esta população de pacientes. Muitas vezes, o exame detectou inflamação do músculo cardíaco ou pequenos ataques cardíacos que passaram despercebidos.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
ressonância magnética cardiovascular    arritmias cardíacas    diagnóstico cardíaco    Western University    James White   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.