Geral
publicado em 10/02/2012 às 16h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Em comparação com as pessoas que fizeram exercícios de alongamento, os praticantes de tai chi tiveram menos quedas, passadas mais longas e melhor equilíbrio, os pesquisadores descobriram.

"O tai chi adequa-se muito bem para resolver o problema do mal de Parkinson que os pacientes enfrentam", disse Fuzhong Li do Oregon Research Institute em Eugene, cujas descobertas foram publicadas na New England Journal of Medicine.

De acordo com informações divulgadas pela Reutesr, as dificuldades para andar e ficar de pé são características do mal de Parkinson, que resulta da morte das células cerebrais que geram a substância química dopamina.

"Nós não vamos nos livrar dos sintomas. Não é uma droga. Ela não pode curar a doença. Mas, na minha opinião, pode retardar a progressão da doença", disse Li.

Embora nem todos os estudos concordem, outra pesquisa mostrou que, como é um exercício baseado no equilíbrio, o tai chi pode ajudar a melhorar a força e a reduzir as quedas nos idosos. Mas há poucos estudos de grande porte com pacientes de Parkinson.

Li e seus colegas enviaram 195 idosos, todos de Oregon, para uma das três turmas que se encontravam duas vezes por semana durante uma hora. Todos podiam ficar em pé sem ajuda, mas alguns precisavam de um dispositivo para ajudá-los a andar.

Os exercícios de tai chi foram concebidos para melhorar o equilíbrio com um deslocamento controlado do centro de massa. O treinamento de resistência com pesos nos tornozelos e com coletes com peso foi utilizada em um segundo grupo para fortalecer os músculos importantes para o equilíbrio, para a postura e para andar. Um terceiro grupo teve aulas que envolviam o alongamento suave.

As pessoas em todos os três grupos começaram com pontuações semelhantes de 64 pontos em uma escala de 100 pontos que media o quanto eles podem inclinar-se ou deslocar seu centro de gravidade sem cair.

Mas após 24 semanas de aulas, aqueles no grupo de alongamento observaram uma queda de dois pontos na sua pontuação média, indicando alguma deterioração em sua condição.

A pontuação típica subiu em quatro pontos no grupo de resistência e em 10 pontos entre os praticantes de tai chi.

Todos os voluntários foram testados quando a medicação estava atuando e seus sintomas foram controlados.

A melhora com o tai chi foi ainda mais significativa em um teste para ver até onde a pessoa poderia se mover em direção a um alvo, sem um movimento extrínseco.

O comprimento do passo, a velocidade de caminhada, o movimento do joelho e outras medidas também apresentaram mais melhora. As pessoas que fizeram tai chi relataram apenas 62 quedas durante o treinamento - menos da metade do que os outros grupos relataram.

Três meses depois de as classes pararem, alguns dos benefícios persistiram. Por exemplo, os praticantes de tai chi tiveram quedas 60% menos quedas do que o grupo de treinamento de resistência e 69% menos quedas do que o grupo de alongamento.

"Esta é a primeira vez, de acordo com o meu conhecimento, que um estudo foi capaz de apresentar alguma durabilidade como um tratamento para o equilíbrio. Esta foi uma grande lacuna no campo de pesquisa que não tinha quaisquer dados de acompanhamento com um regime de exercícios," Li disse.

Houve, no entanto, alguns deslizes. A pontuação média para inclinar-se e mudar a gravidade, que havia melhorado em 10 pontos nos praticantes de tai chi, pareceu cair ligeiramente.

O que é bom no tai chi, disse ele, é que "ele não dependente de equipamentos. Pode ser praticado em qualquer lugar, a qualquer momento".

O mal de Parkinson afeta pelo menos 500 mil norte-americanos, a maioria deles idosos, de acordo com o National Institute of Neurological Disorders and Stroke, que financiou o novo estudo.

O custo das aulas de tai chi varia, mas os preços são tipicamente semelhantes aos de outros tipos de aulas de exercício.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Equilíbrio    Tai chi    Mal de Parkinson    Exercícios de alongamento    Dopamina   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
equilíbrio    tai chi    mal de Parkinson    exercícios de alongamento    dopamina   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.