Ciência e Tecnologia
publicado em 27/12/2011 às 14h54:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Pesquisadores do Children of the 90s da University of Bristol, no Reino Unido, em colaboração com 22 outros estudos de todo o mundo, descobriram três novas variantes genéticas associadas com a condição dermatológica eczema, uma doença inflamatória crônica que afeta milhões de pacientes em todo o mundo.

Pesquisas anteriores em europeus tinham identificado apenas dois genes principais, por isso este é um avanço significativo que ajudará a diagnosticar e tratar a doença a longo prazo.

Duas das variantes descobertas estão perto dos genes (OVOL1 e ACTL9) associados à função de barreira da pele (quão porosa a pele é), enquanto o terceiro está em uma região do genoma que contém genes importantes para o sistema imunológico (IL4-KIF3A). Assim, os resultados sublinham a importância de ambos os sistemas biológicos no desenvolvimento da doença.

O eczema, que é em grande parte uma condição hereditária, afeta até uma em cada cinco crianças no Reino Unido e em outros países desenvolvidos, com oito m cada 10 casos ocorrendo antes de a criança atingir o seu quinto aniversário. A maioria das crianças sofrem remissão no início da adolescência, mas até 50% delas podem ter recorrências na idade adulta. Sessenta por cento das crianças que têm um dos pais com eczema também têm a condição, subindo para 80% quando ambos os pais têm. O eczema é comumente associado com a alergia alimentar, a febre dos fenos, a asma e uma série de outras doenças. Os tratamentos são limitados, o que pode causar o sofrimento crônico e um pesado fardo econômico para os pacientes e suas famílias.

Falando sobre os resultados, a principal autora, Lavinia Paternoster, da University of Bristol, disse que o 'Eczema ficou para trás de outras doenças comuns, em termos do número dos genes descobertos que nos predispõem à doença. Nosso estudo é, até hoje, o maior estudo em eczema que tenta identificar quais os genes que o influenciam. Ainda há muito trabalho a fazer, mas estas descobertas indicam que os mecanismos biológicos são importantes nesta condição e são um passo importante para a melhoria do tratamento, do diagnóstico e do gerenciamento da doença para quem sofre de eczema".

O autor sênior e dermatologista, o professor Stephan Weidinger da University of Kiel, na Alemanha, acrescentou: "Dois genes de doenças que encontramos nunca foram associados com a dermatite atópica até agora, enquanto um tem sido relacionado à asma, refletindo a estreita relação entre as duas doenças. Nossas descobertas não vão levar imediatamente a testes genéticos para prever quem irá desenvolver eczema ou novas formas de tratamento, mas são um passo importante neste contexto".

A pesquisa foi realizada em cerca de 10 mil casos e 40 mil controles de estudos de base populacional no Reino Unido, na Europa, na Austrália e na América do Norte para identificar as variantes genéticas do genoma inteiro que foram associadas com o eczema. Assim, este é o maior estudo deste tipo sobre a genética do eczema até o momento.

Uma pesquisa anterior do Children of the 90s propôs que a alergia a amendoim poderia ser causada pelo alérgeno que infiltra a pele (por exemplo, por meio de cremes e loções que contêm óleo de amendoim), e confirmou que um outro gene da barreira da pele, a filagrina, foi fortemente associado com o eczema na população e também com a alergia a amendoim.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
doença inflamatória    doença crônica    eczema    função barreira da pele    sistema imunitário    amendoim    alergia alimentar    febre do feno    asma   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.