Geral
publicado em 20/11/2011 às 08h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

O Governo do Amazonas planeja lançar, em 2012, um laboratório de oncogenética para identificar pacientes com propensão genética a desenvolver determinados tipos de câncer. A principal vantagem será a possibilidade de inibir a evolução da doença, trabalhando no atendimento médico preventivo. A iniciativa será viabilizada por meio da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (FCecon).

A oncogenética é um dos assuntos em discussão no 1º Congresso Pan Amazônico de Oncologia, encerrado nesse sábado (19). " Todas as discussões do evento têm como foco a melhoria do tratamento do câncer e a possibilidade de novas frentes tecnológicas. Estamos trazendo especialistas na área de oncogenética de São Paulo também para que possamos trocar experiências para esse novo laboratório, que é um plano concreto e uma das nossas principais metas para o ano que vem" , frisou a diretora de ensino e pesquisa da FCecon, Kátia Torres.

O projeto do laboratório de oncogenética está em fase de elaboração técnica e captação de recursos para instalação. Segundo Kátia Torres, algumas pesquisas iniciais na especialidade começaram a ser feitas, este ano, por uma equipe da FCecon. O trabalho recebe financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM). " Uma vez montada a infraestrutura necessária, várias linhas de pesquisa poderão ser desenvolvidas na área aqui no Amazonas" .

A diretora da Fundação Cecon explica que o laboratório vai receber pacientes que tenham histórico de câncer entre os familiares ou que tenham sido diagnosticados com doenças cuja probabilidade de evolução para o câncer é grande. Além da análise genética que identifica a propensão ao surgimento da doença, o laboratório contará com profissionais de saúde treinados para trabalhar com uma espécie de aconselhamento genético dos pacientes, orientando-os sobre como prevenir o desenvolvimento da doença.

" Será um laboratório de biologia molecular onde poderemos utilizar o DNA e fazer o diagnóstico da doença. Vamos poder identificar a propensão e prevenir" , destacou Kátia Torres, lembrando que a FCecon possui outros laboratórios com atuação importante no tratamento oncológico, como os laboratórios de sorologia, hematologia, bactérias e patologia. " O laboratório de patologia, por exemplo, detecta o tipo de alteração no tecido, o que é muito importante para identificar o tumor" .

" A grande proposta é promover a integração de conhecimento, aproximar os profissionais da área dos diversos Estados e, com isso, contribuir para um avanço nas técnicas de tratamento da doença" , disse Kátia Torres.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Câncer    Oncologia    Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas    FCecon    Amazonas   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Câncer    oncologia    Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas    FCecon    Amazonas   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.