Ciência e Tecnologia
publicado em 26/10/2011 às 17h42:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Tomar anti-concepcionais por 10 anos pode reduzir o risco de câncer do ovário quase pela metade (45%). É o que aponta estudo financiado Cancer Research UK, no Reino Unido.

Resultados mostram ainda que mulheres que tomam anti-concepcionais durante qualquer período de tempo tiveram um risco 15% menor de câncer do ovário do que aquelas que nunca os tomaram - e o risco foi ainda mais reduzido nas mulheres que tomaram o medicamento por mais tempo.

O estudo procurou saber como vários fatores reprodutivos afetaram o risco de câncer de ovário.

Tomar anti-concepcional por mais de 10 anos teve o maior impacto sobre a redução do risco da doença, os outros fatores que reduziram este risco são engravidar e ter mais de um filho.

Entre as mulheres que usaram o anti-concepcional por um ano ou menos, o risco de desenvolver câncer do ovário era de cerca de 28 em 100.000 ao ano.

As mulheres que já tiveram uma gravidez completa tiveram 29% menos risco de câncer do ovário em comparação com as mulheres que nunca engravidaram.

Entre as mulheres que nunca engravidaram, o risco de desenvolver câncer de ovário era 34 em cada 100.000 ao ano. Para as mulheres que tiveram ao menos uma gravidez completa, o risco era de cerca de 24 a cada 100.000 ao ano.

E quanto maior a família, melhor o benefício - entre as mulheres que têm filhos, cada criança a mais diminuiu o risco de câncer de ovário em 8%.

A pesquisa é parte de um trabalho em andamento do European Prospective Investigation of Cancer (EPIC), um dos maiores estudos sobre as ligações entre dieta, estilo de vida e câncer.

A epidemiologista Naomi Allen disse que "O câncer do ovário é difícil de se detectar e, por isso, a prevenção é essencial para salvar as mulheres que sofrem desta doença. Estes resultados são importantes porque a maioria das mulheres não sabem que tomar o anti-concepcional ou engravidar pode ajudar a reduzir o risco de câncer de ovário em um período posterior da vida".

A pesquisa ainda não estabeleceu quais fatores como o anti-concepcional e a gravidez reduzem o risco de câncer do ovário. Uma teoria é a de que tomar o anti-concepcional ou engravidar modifica os níveis hormonais que podem afetar o risco de uma mulher para a doença.

Apesar de o anti-concepcional ter um efeito protetivo contra o câncer de ovário, as mulheres que o tomam correm mais risco de ter um câncer de mama enquanto o utilizam - risco que desaparece depois que se para de tomá-los.

O câncer de ovário é o quinto câncer mais comum nas mulheres no Reino Unido, com mais de 6.500 casos diagnosticados a cada ano.

A ligação entre o câncer de ovário, a gravidez e o uso de contraceptivos orais já está bem estabelecido este estudo agrega peso a esta evidência.

Segundo o especialista em câncer Richard Edmondson, estima-se que entre 100.000 mulheres que usam o anti-concepcional por 10 anos ou mais, haverá 50 casos ou mais de câncer de mama que não ocorreriam naturalmente, mas há a redução de 12 casos de câncer do ovário. "Isso pode ser particularmente importante para as mulheres com um risco de câncer de ovário maior na família", disse ele.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Gravidez    Pílula    Câncer de ovário    Câncer de mama    Menopausa   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
gravidez    pílula    câncer de ovário    câncer de mama    menopausa   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.